Com a proposta de auxiliar um maior número de brasileiros a estudar educação financeira e a apostar na bolsa de valores, a rede de franquias ATOM Educacional oferece cursos de formação de daytraders.

Considerada uma das profissões do futuro, já em grande atuação em países como Estados Unidos e China, os daytraders são profissionais especializados em gestão de operações diárias na Bolsa de Valores. O tempo dedicado para o trabalho é de uma a duas horas diárias, e pode ser feito de qualquer lugar do mundo, se estruturando como complementação de renda.

A ATOM desenvolveu uma metodologia de ensino híbrido, com aulas online e suporte presencial. O curso é voltado para quem deseja mudar de área de atuação profissional ou ampliar as fontes de renda, uma vez que as operações na bolsa de valores demandam poucas horas por dia.

Os alunos entram em contato com um simulador de operação para entenderem a rotina de trabalho. Após aprovação no simulador, os alunos recebem apoio completo da ATOM, junto com capital da própria empresa, para aprenderem na prática a investir na bolsa.

Não é necessário que os alunos invistam o próprio dinheiro, nem se coloquem em situações de risco por causa da falta de conhecimento aprofundado na área, como explica Carol Paiffer, CEO da Atom Educacional.

“No mesmo formato de trabalho que a Uber contrata motoristas para tocar seu negócio, a empresa ATOM contrata pessoas para operarem seu dinheiro na bolsa de valores e ainda paga 80% dos lucros para quem entrar no time”, conta Paiffer, em nota divulgada à imprensa.

Com a proposta de potencializar a educação financeira entre os brasileiros, a ATOM irá oferecer em todas as unidades franqueadas cursos voltados para pré-adolescentes, entre as idades de 10 a 15 anos. Os cursos têm como objetivo introduzir noções básicas do universo da bolsa de valores.

“É nosso primeiro curso para crianças. Acreditamos no potencial de aprendizado das crianças e adolescentes, pois para elas o ensino é sempre lúdico e tem a vantagem que disseminam também conhecimento para seus pais em casa. Estou apaixonada pelo projeto, é algo que há muito tempo queríamos fazer. E quanto mais jovens tiverem conhecimento financeiro, melhor será o futuro do Brasil”, explica a CEO da rede.

Projeto de expansão

Com investimento inicial a partir de 90 mil reais, os franqueados da Atom trabalham em uma unidade com estrutura de 50 a 100 metros quadrados. Os empreendedores ficam responsáveis pelo gerenciamento das unidades, organização de workshops, comercialização de cursos, além de auxiliar no suporte presencial aos alunos e incentivar o networking na localidade em que a franquia está instalada.

Estreante no franchising, a ATOM foi fundada em 2019 e iniciou a expansão por franquias logo no início do ano. Atualmente, a rede conta com 11 unidades em operação.

Investimento inicial: a partir de R$ 90 mil
Taxa de franquia: R$ 25 mil
Royalties: não cobra
Faturamento médio: R$ 18 mil
Prazo de retorno: a partir de 6 meses

DEIXE UMA RESPOSTA