O mercado de franquias tem se tornado cada dia mais a opção de pessoas que pensam em empreender e querem ter algo mais certo e com previsões garantidas. No entanto, para ter uma franquia de sucesso, é preciso atender aos objetivos propostos pela marca com atenção, o que faz com que os ganhos sejam ainda maiores.

Isso porque uma franquia de sucesso atende a todos os requisitos de gestão e vendas e, com isso, consegue atingir, e até superar, as metas de faturamento, conseguindo retorno do investimento em um tempo menor que o previsto. Tudo isso faz com que a franquia se transforme numa marca desejada tanto por pessoas que queiram ganhar dinheiro com ela, quanto pelos clientes que queiram consumir seus produtos. Quando uma franquia atinge esse nível de maturidade, podemos dizer que ela já é um grande sucesso.

➥ Quer ter uma franquia de sucesso? Confira nosso manual e saiba como fazer uma gestão mais eficiente

Mas, a pergunta que não quer calar é: afinal, como ter uma franquia de sucesso?

“É muito importante entender que existem dois níveis de clientes em uma franquia de sucesso: o franqueado e os clientes dos franqueados. É necessário fornecer a melhor experiência possível a ambos com relação a todos os desejos que anseiam antes de consumir seus produtos”, avalia Edilson Conrado Ferreira Junior, presidente da CF Contabilidade.

Assim, o franqueado precisa investir o mínimo possível e ter lucros no menor tempo possível. E, para isso, ele precisa ter um suporte diferenciado e próximo, de tal forma que consiga absorver de forma rápida o know how e a tecnologia da rede, agregando a cultura empresarial da marca, entendendo como gerir bem o seu negócio para atingir os melhores resultados e o lucro contínuo e sustentável.

Já o cliente dos franqueados precisa desejar consumir o produto ou serviço da marca. É preciso desenvolver momentos únicos em todos os pontos de contato que esses clientes terão com a empresa, desde a visualização da logo, passando pelo consumo do produto ou serviço até chegar ao pagamento no caixa.

“Todos esses momentos necessitam de atenção, leveza e dedicação para que o cliente possa expandir sua marca como algo encantador, fazendo com que outros clientes queiram consumir a mesma experiência. Não há melhor propaganda do que um cliente encantado e leal”, conta Junior.

Não é só isso. Para se ter uma franquia de sucesso é preciso, ainda, que o franqueado se identifique com o negócio que vai abrir e com a marca. “Estar presente na operação, ser dedicado e empreendedor e ter noções de gestão e varejo também são importantes para o sucesso do franqueado”, diz Felipe Espinheira, diretor de franquia da Yes! Cosmetics.

Além disso, é preciso ter em mente, ainda, o bom desenvolvimento da marca, o que passa pela saúde financeira da franquia. “Programar e planejar os investimentos, manter fluxo de caixa saudável e ter cuidado com os investimentos é muito importante”, enumera Monique Rodrigues, da Clinicão.

Para isso, a franquia de sucesso deve ser construída com muito trabalho e determinação. Muito embora a Lei de Franquia seja um capítulo pequeno da constituição, os desafios são imensos e cheios de detalhes que fazem a diferença.

Cuidados a serem tomados

Antes de começar uma franquia, é recomendável ter diversos cuidados para não ter surpresas desagradáveis. O principal deles, no entanto, é ter claro o que é entregue de valor ao franqueado e quais são os diferenciais que a marca irá perseguir para sempre estar à frente dos concorrentes.

“Lembre-se que existem franquias de todo tipo no mercado. Além disso, por parte dos candidatos, é preciso ter o perfil adequado para a sua marca. Não basta ter o capital para investir, pois geralmente aqueles que não conhecem o setor, podem subestimar ou superestimar as realidades de um negócio. Os franqueadores devem ser realistas e francos não só a respeito dos possíveis resultados, como também com os desafios que serão enfrentados, afinal não existe vitória sem batalha”, explica Wander Paiva, diretor da Portaria Monitorada.

A franquia ainda precisa atender aos seguintes pontos:

  • Ter manuais precisos de suporte da rede e sempre treinar os franqueados para que não se percam os processos e a cultura da empresa.
  • Aposte em consultores de campo para visitar as unidades in loco, visando dar suporte de gestão financeira e de pessoas da unidade.
  • Implantar uma boa régua de cobrança financeira para evitar índice de inadimplência.
  • Ter promoção de networking e eventos para que haja circulação de melhores práticas entre os franqueados.
  • Contar com acompanhamento de satisfação do cliente e da qualidade do produto ou serviço entregue.
  • Suportar os franqueados em ações de marketing buscando melhorar sua performance comercial.
  • Atentar a inovações de novos produtos ou serviços que o mercado esteja demandando para sair na frente na oferta.

Fique de olho nas dificuldades

Não tem com negar: para alcançar o sucesso, algumas pedras terão de ser transpostas no caminho. Por isso, é importante ficar de olho nas dificuldades para não ser pego de surpresa.

Dentre as principais, está a burocracia e os trâmites legais para gerenciar uma empresa, que muitas vezes atrapalham o crescimento da operação. “Mais do que isso: o grande entrave atual é a situação política e econômica do país, que transmite insegurança para investidor a longo prazo”, analisa Monique.

Para ter uma franquia de sucesso é preciso entender, também, o que você está vendendo, para quem vai vender, onde está o seu mercado, qual o valor que o seu produto tem para os clientes, além de encontrar parceiros e colaboradores. “Pense, ainda, em quais ferramentas vai usar para chegar ao seu cliente, além dos desafios financeiros e operacionais envolvidas no negócio, pois existem muitos fatores envolvidos no sucesso de uma franquia”, acrescenta Paiva.

Estar sempre muito perto da franqueadora e do cliente é uma boa alternativa para minimizar problemas, uma vez que isso melhora o seu relacionamento e lhe dá condições de atuar com mais velocidade sobre os problemas.

“Procure também se associar a outras pessoas que entendam do segmento para que possam ser seus conselheiros e o ajudem a tomar as melhores decisões para o crescimento da franquia”, indica Junior.

Mais: estude o negócio no qual vai investir e entenda o mercado. “Busque sempre se aperfeiçoar em gestão e acompanhe a operação da sua unidade, fazendo intervenções rapidamente e sempre que necessário, visando o crescimento da sua franquia e o sucesso”, diz Espinheira.

Determinação, perseverança, dedicação, exercer liderança com seus colaboradores, bom atendimento, conhecimento, ser bom administrador e conhecer bem do negócio também são boas dicas – e essenciais – para se dar bem no negócio. “Trabalho árduo e dedicação total ao negócio são essenciais”, aponta Monique, que é complementada por Paiva: “uso sempre uma frase de Nick Gleason: ‘sucesso é a combinação de fracassos, erros, começos errados, confusão, e da determinação de continuar tentando mesmo assim’”.

Já sabe como gerenciar sua franquia? Então confira aqui algumas opções de franquias de sucesso para 2018!

COMPARTILHE
Artigo anteriorSuporte Smart mira expansão no Sudeste
Próximo artigo3 dicas para turbinar a expansão de franquias
Graduada em jornalismo pela Faculdade Cásper Líbero e pós-graduanda em Gestão de Marketing pela Escola Superior de Propaganda e Marketing, sua paixão é escrever e tem curiosidade sobre os mais diversos temas. Já trabalhou em editorias de entretenimento, esportes, saúde, bem-estar, PME e gestão de carreiras.

DEIXE UMA RESPOSTA