Mercado de franquias cresce 7,6% no primeiro trimestre de 2016

0
1364
crescimento
crescimento

Durante a coletiva de imprensa de abertura da 25ª edição da ABF Franchising, Cristina Franco, presidente da ABF, e Artur Grynaum, presidente do Conselho de Associados da ABF, revelaram que o setor de franquias cresceu 7,6% no primeiro trimestre de 2016.

O dado contraria as estatísticas gerais da economia no país, como o PIB, que encolheu 0,3% no mesmo período e mostra como o mercado de franchising está contornando a crise econômica brasileira.

Cristina atribuiu esse crescimento a preparação das franquias e dos franqueados. “O franchising começou a perceber a desaceleração econômica em 2012, através dos índices coletados pelas próprias franquias, por isso foi possível se preparar e fazer algumas readequações no modelo”, afirma a presidente.

Entre essas modificações que foram estabelecidas para não deixar que os resultados das franquias fossem prejudicados pela retração do consumo, estão: diminuição na metragem das lojas, que consequentemente gera um custo menor de aluguel para o franqueado, criação de opções mais enxutas para o mix de produtos e até o parcelamento do valor da franquia.

Artur Grynaum concordou e acrescentou: “com crise ou sem crise, a franquia é uma opção mais fácil e segura de empreender, pois o franqueado carrega uma marca forte e um modelo de negócio já comprovado”.

Ele também afirmou que o sucesso do franchising está relacionado ao fato de ser um mercado que passa por vários segmentos, como beleza, alimentação, serviços e treinamento.

Durante a coletiva, também foi anunciado que o Bradesco, motivado pelo crescimento do setor e pela baixa taxa de inadimplência dos franqueados, aumentará sua linha de crédito para os donos de franquias. Antes, o limite do tíquete era de 125 mil reais e a partir de agora é possível solicitar até 300 mil reais em crédito. A taxa é de 2,28% ao mês.

A ABF Franchising Expo acontece entre os dias 15 e 18 de junho nos pavilhões azul e branco do Expo Center Norte, em São Paulo. Os visitantes podem aproveitar as atrações, cursos de capacitação e stands das franqueadoras entre as 13h e 21h, de quarta a sexta, e das 11h30 às 18h30 no sábado.

Os organizadores esperam receber mais de 60 mil pessoas nos quatro dias de evento, que conta com mais de 400 marcas do Brasil, Estados Unidos e Japão.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui