FRANQUIAS DE BRINQUEDOS E ENTRETENIMENTO

FRANQUIAS DE BRINQUEDOS E ENTRETENIMENTO

O segmento de entretenimento e lazer está em pleno crescimento no mercado de franquias brasileiro. Quem pensa em entrar nesse setor encontra diversas oportunidades de atuação, incluindo opções de franquias baratas.
Entre os nichos disponíveis estão franquias que operam tanto no varejo quanto com prestação de serviços. Há franquias especializadas em brinquedos, em games e em eventos, como redes de espaços para festas, buffets e empresas que trabalham com vendas de ingressos. É possível encontrar modelos de franquias para trabalhar em casa, assim como modelos que exigem a instalação em pontos comerciais com estrutura mais ampla.
VANTAGENS 
O mercado tem demanda durante todo o ano, além de apresentar épocas mais fortes de consumo. Período de férias escolares, Natal e Dia das Crianças são excelentes oportunidades impulsionar as vendas, especialmente levando em conta que o público infantil é um dos maiores consumidores nesse setor.
DESAFIOS 
Atuar no segmento de brinquedos e diversão significa lidar com dois públicos distintos: crianças e adultos. O franqueado precisa estar preparado para criar estratégias de prospecção
alinhadas para ambos os perfis. Além disso, os funcionários precisam estar bem treinados para atender os diferentes tipos de público com o mesmo padrão de qualidade.

SETOR EM NÚMEROS

3.6 %
DE CRESCIMENTO EM UNIDADES EM 2017
3.7 %
DE CRESCIMENTO EM FATURAMENTO EM 2017
5.3 %
DEVE SER O CRESCIMENTO ANUAL DOS GASTOS COM ENTRETENIMENTO E MÍDIA ATÉ 2022
14 %
É O CRESCIMENTO ANUAL DO MERCADO DE PRODUTOS E SERVIÇOS PARA PÚBLICO INFANTIL
1 º
LUGAR NO RANKING DE MAIORES MERCADOS DE GAMES NA AMÉRICA LATINA
Preencha nosso cadastro rápido e receba este e-book gratuito sobre Franquias de Brinquedos e Diversão no seu e-mail:
Mockup Ebook Guia Pratico Franquias de Brinquedos e Diversão v2
Neste material você vai encontrar informações como:
  • Dados do mercado de brinquedos
  • Vantagens e desafios do setor
  • Opiniões de especialistas
  • Dicas para investir
Google+