No setor de franquias de educação, a franquia SUPERA aparece como uma boa opção para quem quer investir em um modelo com metodologia diferenciada e estrutura enxuta.

Fundado em 2006, o SUPERA é uma empresa dedicada exclusivamente ao desenvolvimento das capacidades do cérebro e da saúde mental. O método da rede desenvolve múltiplas habilidades nos alunos, buscando impactar a vida acadêmica, pessoal e profissional.

➥ Busca franquias na área educacional? Confira nosso guia de franquias de educação (com valores de investimento)

As unidades atendem um público diverso, com aulas voltadas para crianças, adolescentes, adultos e idosos. A metodologia trabalha na melhoria de questões como concentração, raciocínio, autoestima, atenção, controle de ansiedade, foco, visão estratégica, redução de estresse, cérebro ativo, memória, raciocínio rápido. Há também desenvolvimento de pontos específicos como aprovação em vestibulares e concursos, independência e qualidade de vida na terceira idade.

Além dos cursos nas unidades, o SUPERA trabalha também com projetos especiais que levam a metodologia da rede para dentro de empresas, escolas e associações de atletas.

Atualmente, a marca conta com mais de 350 escolas em operação em todas as regiões do Brasil e segue com um forte plano de expansão: até o final de 2019, a expectativa é de que o SUPERA comercialize 100 novas franquias.

A meta de crescimento da empresa vem fundamentada em um cenário promissor. De acordo com a Associação Brasileira de Franchising (ABF), as franquias de educação estão em franca expansão. Dados da instituição apontam para um aumento de 6,5% no número de unidades do setor de serviços educacionais em 2018.

O faturamento das franquias de educação também apresentou um crescimento expressivo no ano passado. Com alta de 5,2% em relação ao faturamento registrado em 2017, as redes do setor somaram receitas de 11,4 bilhões de reais.

Se você pensa em entrar neste mercado por meio de uma franquia SUPERA, vai encontrar nesta matéria informações sobre como se tornar franqueado e quanto custa abrir uma unidade da marca, além de descobrir se esse é o negócio certo para você. Confira (se preferir, use os links do menu a seguir para ir direto ao tópico de seu interesse):

Quanto custa uma franquia SUPERA

franquia supera

Os interessados em abrir uma franquia SUPERA encontram dois modelos de negócio: Microfranquia e Franquia Padrão. Os valores de investimento variam conforme o modelo, ficando entre 135 mil reais e 265 mil reais.

Para a Microfranquia, o investimento parte de 135 mil reais. Neste modelo, mais compacto, a montagem da unidade fica entre 89 mil reais e 131 mil reais. Já o capital de giro indicado pela franqueadora é de 25 mil reais a 35 mil reais.

Na Franquia Padrão, o investimento parte de 195 mil reais. Aqui, a instalação da unidade pede um capital entre 139 mil reais e 206 mil reais. O capital de giro deve ser de 45 mil reais a 70 mil reais.

Quanto à taxa de royalties, também há variações entre os modelos: enquanto o modelo de Microfranquia é isento da taxa, a Franquia Padrão tem esse valor em 12%. Já a taxa de propaganda é de 3% para ambos os formatos de negócio.

“A franquia SUPERA oferece a possibilidade de parcelamento da taxa de franquia, feito diretamente com o respectivo banco do investidor. Não oferecemos linha de crédito para aquisição da franquia”, conta Victor Rocha, diretor de negócios da franquia SUPERA.

Qual o valor de uma franquia SUPERA?

Os valores da franquia SUPERA variam conforme o modelo de negócio escolhido, partindo de 135 mil reais. A seguir, você confere em detalhes os dados de investimento de cada formato, conforme informações da empresa.

Microfranquia

Investimento total: R$ 135 mil a R$ 180 mil
Taxa de franquia: R$ 49 mil
Royalties: não cobra
Faturamento médio: R$ 28 mil a R$ 30 mil
Prazo de retorno: 18 a 24 meses

Franquia Padrão

Investimento total: R$ 195 mil a R$ 265 mil
Taxa de franquia: R$ 59 mil
Royalties: 12%
Faturamento médio: R$ 28 mil a R$ 30 mil
Prazo de retorno: 18 a 24 meses

Qual o faturamento de uma franquia SUPERA?

O faturamento médio mensal estimado para uma franquia SUPERA fica entre 28 mil reais e 30 mil reais. Porém, segundo informações da empresa, algumas unidades chegam a faturar até 80 mil reais.

Qual o lucro de uma franquia SUPERA?

A lucratividade média mensal do SUPERA é de 20% a 25%. “O retorno previsto para o investimento é de 18 a 24 meses, mas nós já tivemos casos de franqueados que chegaram ao ponto de equilíbrio no primeiro mês de operação”, complementa Victor Rocha.

Compare os números do SUPERA com outras franquias de educação

Confira os dados de investimento de outras franquias de educação e compare com os números da SUPERA. As informações são divulgadas pela ABF ou pelas empresas.

Ginástica do Cérebro

Investimento total: R$ 60 mil a R$ 88 mil
Taxa de franquia: R$ 10 mil a R$ 30 mil
Royalties: 8% do faturamento
Faturamento médio: não informado
Prazo de retorno: 18 a 24 meses

Tutores

Investimento total: R$ 25 mil a R$ 55 mil
Taxa de franquia: R$ 15 mil a R$ 30 mil
Royalties: 8% do faturamento
Faturamento médio: não informado
Prazo de retorno: 6 a 12 meses

Super Estágios

Investimento total: R$ 120 mil
Taxa de franquia: R$ 50 mil
Royalties: 11% do faturamento bruto
Faturamento médio: R$ 108 mil
Prazo de retorno: 17 a 20 meses

ActionCoach

Investimento total: R$ 195 mil a R$ 1,7 milhão
Taxa de franquia: R$ 195 mil a R$ 1,7 milhão
Royalties: R$ 4,5 mil
Faturamento médio: R$ 20 mil
Prazo de retorno: 8 a 18 meses

Como abrir uma franquia SUPERA

franquia supera

O processo para se tornar um franqueado SUPERA passa por reuniões e entrevistas virtuais com a equipe da franqueadora, além de incluir a visita à sede da empresa, localizada em São José dos Campos, em São Paulo.

Nesse processo, o candidato conhece melhor a franquia, recebe informações sobre o negócio – incluindo a Circular de Oferta da Franquia (COF) – e também é avaliado pela franqueadora. Após o perfil do candidato ser aprovado pela rede, inicia-se a fase de assinatura do contrato e implementação da nova unidade.

“Levando em consideração a ampla expansão da franquia, a meta do ano de 2019 é vender 100 franquias, seguindo o planejamento. Além disso, é esperado a abertura de portas de cerca de 80 novas unidades em todo o Brasil”, afirma Victor Rocha.

Conheça os modelos de franquias disponíveis

O SUPERA disponibiliza dois modelos de franquia para investidores: a Microfranquia e a Franquia Padrão.

Na Microfranquia, é possível operar com uma estrutura mais enxuta. A unidade deve ser instalada em imóveis com área de 50 a 80 metros quadrados. Já a equipe de funcionários prevê quatro profissionais: dois funcionários para o administrativo, um para o departamento pedagógico e um para o comercial.

Na Franquia Padrão, a equipe deve contar com seis funcionários, dois para cada departamento – administrativo, pedagógico e comercial. Nesse formato, o imóvel pede dimensões de 80 a 150 metros quadrados.

“Para ambos os modelos, os locais de instalação recomendados são próximos a escolas e que possuam maior visibilidade e com maior fluxo de pedestres e veículos. O ideal são casas, sobrados, salas comerciais ou galerias”, explica Victor.

Saiba se você tem o perfil ideal

“Para ser um franqueado SUPERA, o candidato precisa ter preferencialmente formação superior, porém, não exigimos uma área específica de conhecimentos. O mais importante são as habilidades empreendedoras, como: disciplina, resiliência, liderança, foco em metas, trabalhar bem com riscos e visão de médio e longo prazo”, afirma o diretor de negócios da rede.

Todos os candidatos a franqueados passam pela avaliação de perfil da franqueadora, tanto em contatos virtuais quanto em reuniões presenciais.

Como saber se sua região comporta uma unidade

Segundo informações da empresa, o SUPERA tem oportunidades para abertura de novas franquias em todas as regiões do país. O foco da expansão está em cidades com população superior a 25 mil habitantes, desde que atendam aos requisitos de renda e IDH da rede.

“Existe um estudo de Geomarketing e Geofusion, em que avaliamos o perfil das regiões e cidades interessadas de maneira estratégica, levando em consideração o DNA e os interesses da empresa. Nessa avaliação, levamos em conta indicadores como perfil da população, número de habitantes, IDH, IDB, público alvo e a renda média”, esclarece Victor.

Na escolha do ponto comercial, a preferência é por locais próximos a escolas e cursos de inglês, em imóveis que comportem uma estrutura de recepção, sala comercial, sala de aula, copa e banheiro.

Victor acrescenta: “após a escolha do ponto e do imóvel pelo investidor, seguindo as orientações do franqueador, o imóvel é avaliado por um comitê interno. É levado em consideração uma visão estratégica, com foco no resultado comercial para o franqueado”.

Como é o processo de seleção

O processo para se tornar um franqueado SUPERA começa com o preenchimento do formulário de interesse no site da franquia. O cadastro pede dados básicos do candidato, como nome, e-mail, telefones para contato, cidade em que deseja abrir a unidade e capital disponível para investimento.

A partir do preenchimento do cadastro, um dos analistas da franqueadora entra em contato com o candidato via telefone para explicar como funciona o processo de seleção da marca. Em seguida, o potencial franqueado recebe uma apresentação virtual, a COF e a minuta de contrato da franquia. Após receber essas informações sobre a franquia, o interessado participa de uma reunião virtual com o analista, na qual pode esclarecer eventuais dúvidas.

A próxima etapa é uma entrevista junto ao departamento de expansão do SUPERA, que também acontece online. Essa entrevista é eliminatória e o candidato pode ser aprovado ou não pela equipe da franqueadora. Caso seja aprovado, o candidato faz uma visita à sede da franqueadora, em São José dos Campos. “Esta etapa é muito importante para que a negociação não seja decidida por impulso. O candidato conhece uma unidade em operação e conversa pessoalmente com os profissionais de cada departamento”, pontua Victor.

Por fim, o candidato toma a decisão e passa pela avaliação de perfil do Comitê de Avaliação Final do SUPERA. Com a aprovação da diretoria, o investidor segue para a assinatura do contrato e pagamento da taxa de franquia.

Franquia SUPERA: vale a pena?

franquia supera

Com experiência no mercado de franchising e unidades em todo o país, o SUPERA surge como um alternativa atrativa para quem busca por franquias de educação.

As franquias da marca contam com estrutura simples e podem atender a um público amplo, além da possibilidade de trabalhar com projetos, o que aumenta o faturamento dos franqueados.

Ainda assim, é fundamental que o candidato analise o negócio a fundo para identificar se o retorno previsto está de acordo com as expectativas. A disponibilidade e dedicação ao negócio também são fatores cruciais para a tomada de decisão.

Victor Rocha ressalta que: “a rotina de um franqueado é intensa. As principais atividades do franqueado SUPERA são monitorar os indicadores do negócio, estabelecer boas parcerias com o comércio local e profissionais da cidade local; além de estar sempre à frente da gestão da operação, das vendas e das pessoas que trabalham junto à unidade, exercendo liderança de maneira harmoniosa e efetiva”.

As vantagens da franquia SUPERA

Para Victor, uma das principais vantagens da franquia SUPERA é que a rede é pioneira no mercado dentro de seu segmento. Com 13 anos de experiência e know how consolidado, a franqueadora oferece suporte diário e apoio na implantação do negócio.

O diretor de negócios da marca destaca ainda que este é um setor em ascensão, especialmente por trabalhar com produtos para idosos, uma tendência de mercado. Empreendedores que sonham em trabalhar com causas nobres, atuando na transformação da educação no Brasil e impactando as vidas dos alunos também se identificam com a franquia.

Como é o suporte da franqueadora

Além do apoio na implantação na nova unidade e no dia a dia da operação, com suporte diário, o SUPERA oferece aos franqueados um treinamento inicial presencial. A capacitação tem duração de duas semanas e é realizada na sede, em São José dos Campos.

“No treinamento, os franqueados aprendem sobre todas as áreas: administrativa, operacional, comercial, pedagógico, marketing e comunicação. Depois deste período, os franqueados ainda têm acesso às capacitações contínuas, por meio de reuniões virtuais (que acontecem semanalmente) e vídeos de treinamento sobre diversos assuntos, que ficam disponíveis na área restrita”, completa Victor.

Os desafios de ser um franqueado SUPERA

“Um desafio é saber gerenciar de maneira perfeita a área comercial junto à área pedagógica e investir dedicação nas duas áreas, que são a alma do nosso negócio”, destaca Victor.

De acordo com informações do diretor de negócios, cabe ao franqueado atuar em atividades rotineiras como parceria com a equipe comercial, incentivar a equipe pedagógica e comunicação frequente com o franqueador, participando de reuniões semanais, capacitações, eventos e encontros anuais.

Vale pontuar também que o SUPERA trabalha com públicos de diferentes idades, desde crianças até idosos, e que, portanto, é necessário que o franqueado e sua equipe estejam preparados para atender bem todos esses perfis, conforme suas diferentes demandas.

O que os outros franqueados dizem

O relacionamento do SUPERA com seus franqueados parece ser positivo. A rede de franquias já recebeu o Selo de Excelência em Franchising da ABF por sete vezes. A chancela é concedida às franquias pela instituição com base na opinião dos franqueados de cada rede.

Ao decidir pela franquia, o método SUPERA é um dos principais atrativos considerados pelos candidatos. É o caso de Raphael Stroppa, que teve seu primeiro contato com a marca como aluno.

“Conheci o SUPERA quando fiz uma pesquisa na internet sobre ferramentas para melhorar minha concentração. Fui até uma unidade e fiquei impressionado. Acabei me encantando com o método e decidi que queria mais do que fazer o curso, eu queria empreender com o SUPERA. O suporte inicial dado pelo franqueador me surpreendeu: a rapidez do contato, a forma profissional como fui tratado”, conta o franqueado, que está à frente da unidade do Tatuapé, em São Paulo.

Débora Schimer, franqueada em Florianópolis, também vê a metodologia como grande destaque do negócio.

“O SUPERA é perfeito para mim porque combina áreas do conhecimento muito interessantes – saúde, neurociência e educação – e ainda promove qualidade de vida, o que me traz muita satisfação pessoal. Quando fui conhecer a matriz em São José dos Campos, me encantei e tive a certeza de que não estaria sozinha em toda a jornada, fui muito bem recebida, conheci uma estrutura e uma equipe fortes por trás da marca”, lembra Débora.

Na página do SUPERA no Reclame Aqui encontra-se algumas reclamações publicadas por parte de alunos e ex-funcionários de unidades da franquia em diferentes locais do país. Com isso, reforça-se a necessidade de que o franqueado esteja atento ao dia a dia do negócio para garantir atendimento de qualidade aos alunos e também uma boa gestão de equipe e da rotina de trabalho.

O que perguntar a outros franqueados da marca

Antes de tomar a decisão, vale procurar por outros franqueados da rede para entender melhor como a franquia funciona na prática e esclarecer dúvidas com quem já passou pelo processo de franqueamento.

Segundo Victor Rocha, as perguntas mais frequentes dos interessados na franquia são:

  • O franqueado está satisfeito com o negócio?
  • O franqueado recebe suporte necessário do franqueador?
  • Qual a quantidade de alunos em sua respectiva unidade?
  • Há quanto tempo estão na rede?
  • Em quanto tempo ocorreu o retorno do investimento?
  • Qual a média de lucro mensal e anual?

A listagem de franqueados deve estar contida na COF. Além disso, é possível localizar as unidades SUPERA no site da marca, com seus respectivos endereços e telefones.

DEIXE UMA RESPOSTA