Cursos profissionalizantes, serviços de estética e salão de beleza, produtos para os cabelos, rosto e corpo: estes são os principais serviços da Laranelli, empresa que atua há quase duas décadas no segmento de serviços educacionais e formação profissional, além de oferecer serviços de beleza e atendimentos em clínica estética utilizando a oligotecnologia.

Com três modelos de franquia, que variam de acordo com o modo de atuação no mercado, a franqueadora disponibiliza opções diversas de modelos de negócio, atendendo diferentes tipos de serviços. A Laranelli pretende inaugurar, até o final de 2019, dez unidades franqueadas e cinco máster franquias.

A primeira unidade de máster franquia da Laranelli foi inaugurada em 2008, oferecendo aos clientes atendimentos voltados para estética e bem estar. Dois anos mais tarde, a rede desenvolveu linha própria de produtos dermocosméticos para cuidados facial, corporal, capilar e higiene pessoal.

Em 2016, a proposta da marca foi reestruturada visando ampliar a atuação no mercado, conquistando clientes e novos franqueados. Atualmente, a Laranelli atua nos setores de serviços educacionais, estética, salão de beleza e fabricação e venda de cosméticos.

Diferenciais

Com foco na expansão por franquias, a Laranelli possui como principal diferencial o apoio completo aos franqueados, com suporte operacional de excelência em todos as etapas da unidade. A rede ainda se preocupa em alinhar as franquias de acordo com as atualizações do mercado.

Para Rafael Robson, máster franqueado Laranelli, investir em um negócio da marca é sinônimo para sucesso profissional. O empreendedor trabalhou por 15 anos em empresas com atuação no segmento comercial e sentia que precisava de trabalhar em um negócio satisfatório.

“Resolvi empreender e queria uma franquia que fosse alinhada aos meus valores pessoais. Conheci a Laranelli e me encantei. Não foi uma decisão fácil, precisei trabalhar em outra cidade e fazer uma mudança radical na minha vida. Apesar do medo inicial de dar esse passo, hoje vejo que valeu muito a pena”, afirma Rafael.

Os franqueados encontram suporte completo de uma equipe qualificada, responsável por transmitir know-how completo da franquia. O apoio vai desde a escolha do ponto comercial, orientações na aquisição de móveis e equipamentos, manuais de implantação e de operações, apoio integral no processo de inauguração da franquia, além de suporte permanente na gestão do negócio e captação de clientes.

A máster franqueada Laiane Monique afirma que trabalhar em conjunto com a Laranelli é uma realização profissional. “Transformar vidas e sonhos em realidade é a maior fonte de inspiração para o meu negócio. A cada dia somos surpreendidos com histórias inspiradoras que nasceram em nossas franquias”, comenta Laiane.

O franqueado também recebe assessoria na gestão de negócios, apoio na seleção de equipe de colaboradores e acesso a software para gerenciamento do negócio.

Outro diferencial da rede é a aplicação de oligotecnologia nos tratamentos estéticos oferecidos. Assim, as clínicas de estética Laranelli não utilizam nenhum procedimento invasivo nos tratamentos, como injeções, medicamentos e incisões. Visando resultados mais eficazes e duradouros, a rede utiliza oligoelementos (substâncias essenciais ao bom funcionamento orgânico) em sua linha de produtos exclusiva, que é combinada a técnicas de massagem e modernos equipamentos de eletroestática para desenvolver os tratamentos.

Foco de expansão

Atualmente, a Laranelli busca expansão principalmente no estado de São Paulo. Para tornar-se franqueado da marca, o candidato deve ter capacidade de investimento superior a 150 mil reais.

O modelo em que a franqueadora aposta é o de franquia máster, em que o franqueado atua como um sócio regional da franquia. O investimento parte de 200 mil reais, dependendo da proporção da região de interesse.

O retorno vem das vendas e royalties das unidades de franquias vendidas pelo máster franqueado. Aqui, a lucratividade fica entre 40% e 50%.

Outros modelos de negócio

Além da máster franquia, a Laranelli oferece aos empreendedores interessados em um negócio da marca, três modelos de negócio.

A franquia de salão de beleza e barbearia, requer investimento de 50 mil reais. O ponto comercial precisa ter dimensões a partir de 40 metros quadrados e contar com o auxílio de um a dois funcionários, nos meses iniciais da unidade. É indicada a instalação do salão em centros comerciais, shoppings, aeroportos e estações ferroviárias. O faturamento médio gira em torno de 40 mil reais a 60 mil reais.

Para o modelo de clínica estética, o investimento necessário é de 80 mil reais. A estrutura precisa ter a partir de 120 metros quadrados, e a unidade deve contar com o atendimento de três a cinco funcionários. O modelo de franquia de clínica é indicado para locais com grande circulação de pessoas, como centros comerciais, shoppings, aeroportos. O faturamento médio da unidade é de 60 mil reais a 90 mil reais.

A escola de profissionalização da rede é um modelo indicado para centros de grandes cidades. Com investimento total de 80 mil reais, a escola precisa ter, no mínimo, 120 metros quadrados. O franqueado deve contar com o auxílio de sete a dez funcionários nos meses iniciais de operação. O faturamento médio mensal é de 70 mil reais.

Neste terceiro modelo, os alunos encontram opções de cursos de cabeleireiro e barbeiro profissional, maquiagem, design de sobrancelhas, manicure e pedicure, depilação, especialização em cachos, empreendedorismo para salão de beleza, gestão e negócios, e segurança para a área da saúde.

Para todos os modelos de franquias a lucratividade é estimada entre 25% e 35% do faturamento mensal, com prazo de retorno de investimento previsto de 18 a 24 meses.

Mercado de beleza e educação

As franquias voltadas para serviços de beleza fazem parte de um segmento do franchising brasileiro que vem apresentando crescimento contínuo nos últimos anos. De acordo com a Associação Brasileira de Franchising (ABF), entre os anos de 2015 e 2017, o segmento de Saúde, Beleza e Bem-Estar registrou crescimento de 35,3% no faturamento. Em 2017, as receitas aumentaram 12,1%, atingindo faturamento de 30 bilhões de reais.

Já a Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (Abihpec), afirma que o segmento avança mesmo em anos de cenário econômico desafiador. Em 2017, o setor faturou mais de 47,5 bilhões de reais – um crescimento de 2,8% comparado ao ano anterior. O Brasil ocupa, atualmente, a quarta posição no ranking de países consumidores de produtos voltados para beleza, estética e perfumes.

Além do mercado de beleza, a Laranelli atua ainda no segmento de serviços educacionais ao oferecer cursos profissionalizantes nas áreas de beleza e bem estar.

O segmento de educação também vem demonstrando bom desempenho nos últimos anos, que abrange não somente franquias voltadas para ensino infantil e fundamental e, sim, cursos de idiomas, gastronomia, moda, beleza, informática. De acordo com a ABF, as franquias de educação movimentaram mais de 10,8 bilhões de reais em 2017, um crescimento de 5,6% comparado ao ano anterior.

DEIXE UMA RESPOSTA