Semana no franchising: os destaques de 29 de fevereiro a 06 de março

0
2027
franquia hering
franquia hering

Cia Hering tem pequena queda no número de franquias, mas comemora inovações

Em seu último balanço, a Cia. Hering, responsável pela franquia Hering Store, comunicou uma redução de 5,2% no volume de franquias. A queda aconteceu devido ao encerramento das atividades de 13 lojas nos últimos 12 meses, o que corresponde a uma diminuição de 3,2% na área de vendas.

“Por outro lado, mantivemos a sustentabilidade da rede e dimensionamos os níveis de estoque, o que garantiu um abastecimento equilibrado no período de showroom por parte dos franqueados”, afirma o presidente da Cia. Hering, Fabio Hering.

No último ano, a companhia implementou uma série de ajustes nas lojas e arrojou sua operação de omnichannel, o que permitiu a integração de 91% dos canais físicos e digitais. Ao longo de 2019 foi investido um total de R$ 64,7 milhões com frentes que priorizaram lojas, TI e indústria, principalmente.

Grupo BITTENCOURT amplia atuação para indústria e grandes varejistas

O Grupo Bittencourt, consultoria de redes de negócios amplamente conhecida no franchising, está ampliando seu escopo de trabalho e deve atender também indústria e grandes varejistas.

A partir deste movimento, a companhia espera para 2020 um crescimento de seus negócios em torno de 20% em relação a 2019, além de um crescimento numérico de projetos em 30%.

Em mais de 30 anos de trabalho, o Grupo BITTENCOURT já atendeu e desenvolveu diversas redes de franquia, como Cacau Show, Havaianas, Sodiê Doces e Reserva.

Leonardo dos Anjos é o novo diretor de franquias da Anjos Colchões & Sofás

Claudinei dos Anjos e Leonardo dos Anjos Credito da imagem Raphael Sousa Tartari e Leandro Almeida Foto 3 M
Claudinei dos Anjos (esq) e Leonardo dos Anjos (dir) | Foto: Raphael Sousa Tartari e Leandro Almeida Foto 3 M

A Anjos Colchões & Sofás, rede com mais de 80 unidades, anunciou Leonardo dos Anjos como novo diretor de franquias. Com mais de 10 anos de experiência na rede, o executivo assume o cargo tendo como a missão acelerar o processo de expansão da marca no médio prazo.

“Meu objetivo é alcançar, pelo menos, o número de 500 lojas em operação dentro de um período de cinco anos. Teremos muito trabalho, mas montamos uma equipe qualificada para garantir o crescimento sustentável dos nossos franqueados e da rede como um todo”, comenta.

Leonardo está na empresa desde os 16 anos, é formado em administração de empresas e deve liderar a expansão rumo a abertura de 50 novas unidades até o fim do ano.

Petland busca novo perfil de máster franqueado

A partir deste ano, a Petland Brasil, franquia de petshops, quer diversificar suas operações de máster franquia e passa a oferecer também um modelo de negócios que dispensa loja física.

“Em estados com potencial para mais de 20 lojas, como Paraná, Minas Gerais e Rio de Janeiro, estamos em busca de um novo perfil, alguém que não tenha que cuidar da operação do pet shop e se dedique à expansão no estado”, afirma Rodrigo Albuquerque, CEO da companhia. “Assim, esse empresário terá foco total em atrair novos franqueados, sem a preocupação do dia a dia na gestão de uma unidade”.

Inicialmente, esse novo modelo sem loja será aplicado nos estados do Paraná, Minas Gerais, Ceará, Goiás, Rio Grande do Norte e Rio de Janeiro e também nas cidades de Campinas e Guarulhos (SP).

A iniciativa deve apoiar a expansão da rede e ajudar a marca a alcançar um faturamento projetado de R$ 140 milhões até o final de 2020.

***

Quer mandar sua sugestão de pauta para a Semana no Franchising? Escreva para pauta@guiafranquiasdesucesso.com.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui