Zé Coxinha quer triplicar o número de unidades até o final do ano

0
452
ze coxinha quer triplicar o numero de unidades

A Zé Coxinha, franquia pioneira no ramo de salgados no pote, tem um plano de expansão ambicioso para este ano. A companhia pretende triplicar seu número de unidades até dezembro.

A motivação vem do fato dela ter sido comprada pelo grupo Nazca CO — especialista em gestão e reestruturação de negócios. O grupo trouxe para a franqueadora grandes mudanças e um crescimento impressionante desde 2021.

A principal novidade foi o fato da Zé Coxinha ter se transformado em franquia e passando por uma reconstituição completa da sua marca. Para isso, cada uma das unidades passou por uma padronização, com novas regras operacionais. Além disso, o cardápio também foi reformulado, trazendo novas receitas, salgados, tamanhos e maior qualidade para os produtos.

Em dois anos da nova gestão, a Zé Coxinha obteve um excelente faturamento e segue em busca da sua expansão. Em 2022, ela registrou 35 lojas e uma receita de R$ 18,4 milhões (distribuídos entre rede e fábrica). Já no primeiro semestre desse ano, inaugurou 16 lojas.

Até dezembro, o objetivo é ter 102 unidade em funcionamento e um faturamento anual de R$ 51 milhões. Com uma perspectiva a longo prazo, a meta é chegar a 400 operações até 2026, mirando inicialmente nos estados de Minas Gerais, Rio de Janeiro e Espírito Santo.

Modelo de negócio acessível 

Atualmente, quem deseja ingressar na franquia Zé Coxinha encontra um modelo de negócio acessível, com uma implementação ágil e operação simplificada.

O aporte inicial exigido pela rede é de R$ 120 mil e o faturamento médio mensal é estimado em R$ 48 mil. O payback fica entre 18 a 22 meses.

Zé Coxinha

Zé Coxinha
Investimento: R$ 150.000
Faturamento: R$ 48.000
Prazo de Retorno: 12 até 24 meses

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui