As notícias sobre uma economia com alta em inflação, retração econômica e grande número de desempregos, podem assustar muita gente e fazer com que os planos para se investir em um novo negócio sejam adiados. Mesmo com um cenário conturbado, o setor de franquias brasileiro vem apresentando bons números de crescimento e desempenho otimista – e as franquias de roupas masculinas são uma boa aposta nesse ramo.

Segundo a Pesquisa de Desempenho do Setor de Franquias, divulgada no início do ano pela Associação Brasileira de Franchising (ABF), os números do franchising brasileiro são promissores. O segmento de franquias de moda cresceu 10,4% em 2016, em comparação com o ano anterior, sendo o terceiro segmento com maior crescimento no país.

➥ Busca franquias no setor de moda? Confira nosso guia de franquias de roupas (com valores de investimento)

De acordo com o especialista em estratégias para varejo e sócio-presidente da ba}STOCKLER, Luis Henrique Stockler, investir no segmento da moda e vestuário, principalmente voltado para o público masculino, pode ser um investimento com grandes vantagens e prospecção de expansão.

“Esse é um segmento que tem crescido, visto que os homens, principalmente da geração X e Millenium, procuram redes com mais a cara deles. Esses homens preferem uma loja exclusiva para as roupas masculinas e não apenas lojas que vendem de tudo, tanto feminino, como masculino”, explica o especialista.

Quem deseja começar a investir em uma franquia de roupas masculinas precisa ficar atento a alguns detalhes. Mesmo com números tão otimistas, é preciso ser cuidadoso para ter sucesso no negócio.

Stockler dá alguns conselhos para os investidores que querem investir uma franquia de roupas masculinas: para o profissional, é importante verificar se a rede tem porte para fabricação ou compra de produtos para abastecer as lojas com frequência e com variedade.

“Além disso, verifique se a marca consegue dar suporte qualificado às lojas e, ao expandir a franquia, o franqueador o faz de modo seguro e bem estruturado. Após a inauguração é preciso ficar atento às inovações, lançamentos e novidades das coleções”, completa Stocker.

Outro ponto de atenção é que a escala de marca, de acordo com o especialista, impacta diretamente nas margens e no giro da mercadoria, o que afeta o resultado da operação. Stockler pondera que a desvantagem deste modelo de negócio é que, no Brasil, não existem muitas franquias nacionais de grande escala, com mais de 100 unidades, por exemplo; a maioria das redes de franquia são pequenas e médias.

O investidor precisa ainda ficar atento aos tipos de comércios que faltam dentro dos shopping centers, que têm muita demanda para lojas masculinas. Cidades maiores apresentam consumidores mais antenados à moda e com espírito metropolitano, o que evoca mais demanda deste modelo de franquia em comparação às cidades menores.

A seguir, você confere algumas opções de franquias de roupas masculinas. Os dados de investimento foram informados pelas empresas ou são divulgados pela ABF.

1Fatto a Mano

Há mais de 20 anos no mercado brasileiro, a Fatto a Mano é uma empresa que se dedica exclusivamente ao vestuário masculino. A expansão por franchising teve início em 2010 e hoje, são mais de 120 franquias por todo o país. A empresa garante treinamento e apoio completo ao franqueado, além de desenvolvimento e fornecimento dos produtos da marca. Saiba mais sobre esta franquia.

Investimento inicial: R$ 170 mil
Taxa de franquia: R$ 50 mil
Royalties: 5%
Faturamento médio: R$ 80 mil
Prazo de retorno: 18 a 36 meses

2Mormaii

Com investimento a partir de 115 mil reais, a Mormaii é uma rede de franquias voltada para a moda jovem, produtos para práticas esportivas, e vestuário surfwear. São mais de cinco mil produtos da marca, e o franqueado atua em uma loja moderna e flexível. São 29 unidades Mormaii por todo o Brasil.

Investimento inicial: de R$ 155 mil a R$ 715 mil
Taxa de franquia: de R$ 35 mil a R$ 55 mil
Royalties: 3% sobre as vendas brutas
Faturamento médio: R$ 80 mil
Prazo de retorno: 12 a 15 meses

3Sketch

Fundada em 1980, atualmente a marca possui 80 unidades espalhadas pelo país. Em Belo Horizonte (MG) está localizado o centro de distribuição da empresa e, em Caetité (BA), a fábrica da Sketch. A marca oferece vestuário masculino para variadas ocasiões, além de acessórios da marca.

Investimento inicial: a partir de R$ 200 mil
Taxa de franquia: R$ 50 mil
Royalties: 10%
Faturamento médio: R$ 120 mil
Prazo de retorno: 20 a 36 meses

4Tevah

A especialidade da Tevah são roupas masculinas feitas sob medida. A empresa está no mercado brasileiro desde 1960 e iniciou os planos de expansão por franchising em 2003. A marca possui um sistema de confecção própria de calças, camisas, trajes e várias linhas de produtos sob medida, que oferecem ao cliente o prazo de entrega a partir de sete dias úteis.

Investimento inicial: R$ 453 mil
Taxa de franquia: de R$ 45 mil a R$ 65 mil
Royalties: 6% sobre o faturamento bruto
Faturamento médio: não informado
Prazo de retorno: 18 a 36 meses

5Coca Cola Jeans

Marca voltada para vestuário masculino e feminino, também oferece acessórios e produtos Coca Cola. A empresa foi fundada em 2004 e teve início por franchising em 2011. Atualmente, conta com 27 unidades franqueadas. O investimento inicial é a partir de 400 mil reais.

Investimento inicial: a partir de R$ 400 mil
Taxa de franquia: R$ 50 mil
Royalties: não informado
Faturamento médio: R$ 150 mil
Prazo de retorno: 24 meses

6Artwalk

A empresa é voltada para calçados da moda, casuais e sneakers, além de contar com um mix complementar de camisetas, bonés, meias e mochilas. A Artwalk possui loja virtual, e mais 36 unidades físicas em sete estados brasileiros: São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Espírito Santo, Paraná, Bahia e Pernambuco.

Investimento inicial: a partir de R$ 300 mil
Taxa de franquia: R$ 50 mil
Royalties: 4% sobre faturamento bruto
Faturamento médio: não informado
Prazo de retorno: 28 a 36 meses

7Authentic Feet

Com um mix diferenciado e produtos exclusivos de grandes marcas como Nike, Adidas, Reebok, Mizuno, Asics, Skechers, Puma, Under Armour e Converse, a loja apresenta aos clientes um ambiente descolado e equipes de atendimento especializadas em esporte e estilo. Atualmente, a rede conta com mais de 80 unidades em São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Espírito Santo, Paraná, Rio Grande do Sul, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Distrito Federal, Goiás, Bahia e Pernambuco, além de possuir loja virtual.

Investimento inicial: a partir de R$ 400 mil
Taxa de franquia: R$ 60 mil
Royalties: 4% sobre faturamento bruto
Faturamento médio: R$ 180 mil
Prazo de retorno: 28 a 36 meses

8New Era

A marca se posiciona como a maior empresa de bonés do mundo, com licença dos principais times das ligas NBA. No Brasil, a New Era é a responsável oficial por produzir bonés de clubes de futebol, como o Atlético Paranaense, Cruzeiro, Fortaleza, Fluminense e Botafogo.

Investimento inicial: a partir de R$ 400 mil
Taxa de franquia: R$ 50 mil
Royalties: 12% das compras
Faturamento médio: não informado
Prazo de retorno: 18 a 24 meses

9Overboard

A Overoboard surgiu no mercado em 1989 como loja de surfwear e street wear. Hoje, já são mais de 20 lojas localizadas em quatro regiões de São Paulo: Santo André, São Bernardo, Barueri e Campinas. A marca também possui loja virtual, que atende todo o território nacional.

Investimento inicial: a partir de R$ 585 mil
Taxa de franquia: R$ 49 mil
Royalties: 4% faturamento bruto
Faturamento médio: R$ 300 mil
Prazo de retorno: 24 a 32 meses

10Zak One

Os produtos Zak One são voltados para jovens adultos que estão começando a ingressar no mercado de trabalho. As coleções da marca são voltadas para um público a partir dos 25 anos, com peças produzidas com a mesma qualidade que a marca Zak. A empresa adota uma filosofia sustentável, com lojas projetadas com materiais reutilizáveis e embalagens de papel retornáveis. Quando há retorno da sacola para a loja, o cliente ganha 5% de desconto na próxima compra.

Investimento inicial: de R$ 250 mil a R$ 450 mil
Taxa de franquia: R$ 50 mil
Royalties: não informado
Faturamento médio: R$ 80 mil a R$ 150 mil
Prazo de retorno: 24 meses

11Samello

Rede de lojas especializada em calçados masculinos, está há mais de 85 anos no mercado. A expansão por franchising ocorreu no início da década de 90, com inauguração de lojas por todo o território nacional. A marca atua no segmento da moda, com linha de acessórios de couro, cintos, meias, carteiras, além de calçados.

Investimento inicial: a partir de R$ 290 mil
Taxa de franquia: R$ 40 mil
Royalties: 7% das compras
Faturamento médio: R$ 95 mil
Prazo de retorno: 24 a 36 meses

2 COMENTÁRIOS

    • Oi, Liliane. A forma de pagamento vai depender da rede escolhida. Algumas franquias parcelam o pagamento de algumas taxas, outras disponibilizam opção de financiamento, algumas pedem o pagamento completo. O ideal é entrar em contato com as marcas de seu interesse e conferir qual é a política de cada uma, para estudar qual a melhor opção para você.

DEIXE UMA RESPOSTA