Com um dia a dia cada vez mais atribulado e cheio de compromissos, pode ser muito complicado dar conta de tarefas mais corriqueiras, como passar as roupas. Foi pensando nisso que um grupo de empreendedores fundou a Mania de Passar, uma microfranquia especializada em passar roupas.

Com o esquema delivery, as franquias Mania de Passar possuem uma operação enxuta e bastante ágil. Depois de contratar o serviço, o franqueado ou um de seus funcionários vai até a casa do cliente no dia e horário combinado para retirar as peças. De volta à franquia, as roupas são passadas e embaladas e retornam à casa do consumidor prontas para o uso. Um dos grandes diferencias da marca é a agilidade: a partir de 48 horas as peças já são devolvidas.

A Mania de Passar tem planos mensais e por números de peças, o que torna o processo ainda mais fácil. Podem ser passadas camisas, calças, agasalhos, camisetas, vestidos, roupas de cama e muito mais.

Mesmo com poucos anos de vida, a franquia Mania de Passar já conseguiu resultados bastante expressivos, tendo passado por processos de aceleração com duas empresas de fundos de investimento e se tornando case de estudo em uma das mais tradicionais escolas de inovação de marketing de Miami, nos Estados Unidos.

Modelos de franquias

A Mania de Passar é uma franquia barata: o investimento para abrir uma unidade da marca é de 14,3 mil reais. Como é uma microfranquia, a unidade pode ser operada em home office ou em uma sala comercial. Em ambos os modelos a operação pede espaço de, pelo menos, nove metros quadrados.

Quando a operação é feita em home office não há necessidade de capital de instalação; mas, quando é implementada em outro espaço físico, esse valor gira em torno de 5 mil reais. Em ambos os casos, o capital de giro é de cerca de 3 mil reais.

O retorno é atrativo. Com payback previsto para 12 meses, o faturamento médio mensal da franquia fica entre 5 mil reais e 10 mil reais. A lucratividade da unidade pode ser de 25% a 35%.

Para a operação, é necessário apenas a presença do próprio franqueado ou de apenas mais um funcionário. As tarefas incluem a prospecção de clientes, retirada e entrega de roupas, serviços de passadoria e embalagem.

Atualmente, a rede está em expansão e busca franqueados dinâmicos, entusiasmados e com espírito empreendedor. Não há regras de escolaridade mínima nem necessidade de experiência anterior, mas conhecimento em informática e disponibilidade para aprender são essenciais. A franquia Mania de Passar também exige dedicação integral e exclusiva do franqueado.

Treinamento e suporte 

A franqueadora oferece um amplo suporte para seus franqueados e ferramentas para ajudar na gestão e nas atividades operacionais do negócio.

O treinamento principal tem duração de quatro dias e totaliza 32 horas. Nele são abordados temas como atendimento e relacionamento com o cliente, gestão de fluxo de caixa e como passar as roupas de acordo com o tipo de peça e tecido utilizado em sua confecção.

A rede também faz a criação, gestão e compartilha sua sólida estratégia de marketing com seus franqueados e não cobra nenhuma taxa por isso. Todas as unidades recebem mensalmente artes e peças publicitárias para divulgação e apenas os investimentos com mídia paga e impressões ficam por conta do franqueado.

É disponibilizado também um sistema de gestão exclusivo que permite que o franqueado faça a gestão de toda a operação e capte novos consumidores.

Atualmente, a Mania de Passar tem mais de 80 unidades franqueadas e pretende encerrar 2018 com 125 franquias.

DEIXE UMA RESPOSTA