Com plano agressivo, Bom Cupom projeta 200 unidades para 2019

0
2868
franquia bom cupom
franquia bom cupom

Novidade no franchising, a Bom Cupom tem um plano de expansão agressivo para o crescimento da marca em 2019. Até o final do ano, a rede espera crescer mais de 500%, saltando das 36 franquias ativas atualmente para 200 unidades franqueadas.

“Fundamos a Bom Cupom para ser a maior empresa de descontos do Brasil. O nosso propósito é levar esse benefício para todas as cidades do Brasil, fortalecendo o consumo inteligente e fomentando a economia local”, conta Rodrigo Belém, diretor de Marketing e Estratégia da Bom Cupom.

Atualmente, a Bom Cupom está presente em 12 estados brasileiros, além do Distrito Federal. A maior parte das franquias está no Rio de Janeiro, estado de origem da empresa.

Para a expansão, a rede aposta em um modelo de franquia barata: o investimento parte de 12 mil reais e varia conforme o porte da região em que o franqueado vai atuar. Para localidades com até 90 mil habitantes, o investimento é de 12 mil reais; entre 90 mil e 150 mil habitantes, o valor é de 15 mil reais; de 151 mil a 250 mil habitantes, 18 mil reais; e, por fim, regiões de 251 mil a 350 mil habitantes pedem investimento de 20 mil reais.

O franqueado tem um retorno médio de 7,5 mil reais por tiragem, com uma margem de lucro estimada em 80%. O retorno do investimento é rápido: entre três e sete meses.

Cupom de desconto simplificado

A proposta da marca é incentivar o consumo por meio de cupons de descontos, facilitando o acesso desse recurso aos consumidores. Por meio da Bom Cupom, os cupons de descontos vêm impressos no verso de notas fiscais, chegando aos clientes já no ato da compra.

“Nos Estados Unidos, a procura por descontos se faz muito presente na cultura do povo, e aqui no Brasil ainda não. Isso não significa que o brasileiro não gosta de desconto. Muito pelo contrário, indica que os brasileiros gostam, mas não têm o hábito de procurar por eles, e foi com esse intuito que a Bom Cupom nasceu, para proporcionar aos consumidores um cupom de desconto ativo, que vai até o consumidor por meio das notas fiscais”, explica Matheus Nager, um dos sócio-fundadores da Bom Cupom, em nota divulgada à imprensa.

O serviço é oferecido a estabelecimentos bairristas, como supermercados, farmácias e padarias, nos quais a Bom Cupom oferece redução no custo da bobina. Em troca, o estabelecimento autoriza que o verso da bobina venha com os cupons impressos. Esses cupons dão descontos para outros comércios locais, como restaurantes, barbearias, lojas, entre outros.

Segundo divulgado pela empresa, a ideia é criar um processo em que tanto o consumidor quanto os estabelecimentos saem ganhando. O veiculador, além do acesso às bobinas com custo reduzido, agregam valor à marca; os anunciantes, podem captar mais clientes; e os consumidores se beneficiam pelos descontos.

A projeção é de que a Bom Cupom fature mais de 3 milhões de reais em 2019.

Investimento inicial: R$ 12 mil a R$ 20 mil
Taxa de franquia: R$ 12 mil a R$ 20 mil
Royalties: R$ 690 (carência de três meses)
Faturamento médio: R$ 7,5 mil
Prazo de retorno: 3 e 7 meses

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui