TRATABEM: como a rede manteve a expansão e aumentou as vendas durante a crise

0
1611
Lilian Marques TRATABEM
Lilian Marques TRATABEM

Enquanto muitas redes de franquias estão tendo dificuldades em sobreviver diante da pandemia de Covid-19, companhias como a TRATABEM estão provando que é possível manter a expansão ativa na crise e até crescer.

Em nível nacional, a venda de produtos de limpeza e manutenção de piscinas da TRATABEM cresceu 30% em março e abril.

Nesta edição do Franchise Insider, conversamos com Lilian Marques, diretora executiva da TRATABEM, para entender quais estão sendo as estratégias da rede para não só driblar os efeitos da crise, mas crescer com ela.

Mercado aquecido

Os produtos e serviços tidos como essencias tiveram alta durante a quarentena. E o setor de limpeza se beneficiou com isso.

De acordo com uma pesquisa realizada pela Compre&Confie, o volume de compras de materiais de limpeza aumentou mais de 4673% durante a pandemia.

A preocupação com a higiene dos ambientes criou um cenário bastante favorável para as franquias de limpeza. E a TRATABEM, que tem em seu portfólio serviços de limpeza, assistência técnica e manutenção de piscinas está inserida neste segmento.

Mas, além disso, a rede também conta com uma outra variável: com o isolamento social, as pessoas passaram a ficar mais tempo em casa. E, com isso, devem estar usando mais suas piscinas e áreas de lazer.

Venda de produtos e serviços

Outro fator que pode ter contribuído para os resultados positivos da TRATABEM foi o posicionamento estratégico de vender produtos, além de prestar serviços por delivery.

Diferente de muitas franquias de serviços que viram suas receitas caírem porque não tinham condições de receber os clientes em suas unidades, a TRATABEM vai até a casa do consumidor realizar um serviço externo. Isso reduz o contato e deixa os clientes mais seguros em contratar uma unidade da rede para realizar a limpeza da piscina.

Além disso, a renda dos franqueados inclui a venda de produtos e acessórios, o que permite que o próprio consumidor faça uma manutenção básica de sua piscina.

Essa possibilidade representou uma grande parte do crescimento da TRATABEM na pandemia.

Tomando como exemplo São Paulo, atualmente o estado mais afetado pelo coronavírus, o crescimento na venda de produtos da marca foi de 45%.

Dessa forma, combinando a prestação de serviços com a venda de produtos, a TRATABEM diversifica a fonte de faturamento dos franqueados, o que é sempre positivo, especialmente em uma crise.

Investimentos em capacitação e marketing

O cenário pode ter favorecido o setor no qual a TRATABEM está inserida, mas os investimentos da franqueadora e o seu posicionamento estratégico, certamente, fizeram a diferença.

Lilian conta que uma das primeiras ações da TRATABEM foi a aproximação com os franqueados no sentido de informar, capacitar e transmitir segurança para a rede.

“No final de março, logo que o isolamento social foi adotado em diferentes estados e cidades do país, a direção da franqueadora gravou vídeos para, num primeiro momento, acalmar os franqueados, orientá-los, mas, principalmente, motivá-los e engajá-los”, explica.

A companhia também criou a Conexão iGUi, uma série de lives exclusivas para os franqueados e suas equipes. As transmissões já abordaram temas como “ações comerciais e de marketing no momento atual”, “o poder das redes sociais” e “oportunidades disfarçadas – vendas por multicanais”.

Segundo Lilian, as transmissões ao vivo criaram um espaço virtual interessante para dar dicas, orientações, esclarecer dúvidas e identificar novas oportunidades de negócios para os franqueados.

A TRATABEM ainda aproveitou para intensificar os conteúdos voltados para a capacitação técnica e pessoal dos franqueados por meio da UniGUi, a universidade corporativa da iGUi, que é criadora da TRATABEM.

“Nesse período de crise conseguimos estar mais próximos dos nossos franqueados virtualmente. E, mesmo distantes fisicamente, engajá-los e motivá-los”

Outro investimento importante para superar a crise foi apostar ainda mais nas vendas digitais, sobretudo nas redes sociais.

Para isso, a companhia investiu em campanhas de marketing e incentivou os franqueados a utilizarem as mídias digitais para captar, relacionar e vender para os seus clientes.

Com esses investimentos na capacitação, comunicação e marketing a demanda de serviços por delivery cresceu 20% na TRATABEM e na iGUi, a nível nacional.

“Foi um intenso trabalho de engajamento, acompanhamento e mudança de chave da franqueadora”

Expansão de franquias

Apesar de ter como foco principal o amparo às unidades que já estão ativas, a iGUi e a TRATABEM não estacionaram a expansão de franquias, pelo contrário.

Entre novembro e abril deste ano, a rede especializada em serviços e produtos para piscinas comercializou 16 unidades franqueadas. E a expectativa para os próximos meses é otimista.

Lilian acredita que, em virtude do crescimento da demanda, os investidores poderão ter um interesse maior nas franquias de seu setor no pós-pandemia

Além de aproveitar a oportunidade de entrar em um mercado bastante aquecido, os candidatos contam com a oportunidade abrir uma franquia em um modelo enxuto, o que deve ser uma tendência para o pós-crise.

Para os investidores que não dispõem do valor total do aporte, a franqueadora oferece a possibilidade que pode ser muito atrativa para quem ficou com o orçamento curto: um financiamento com a própria companhia.

A TRATABEM ainda promete facilitar os pagamentos dos empreendedores interessados em seu modelo de negócio.

Atualmente, a rede conta com mais de 150 unidades franqueadas em todo o país e pretende abrir mais 20 franquias no segundo semestre de 2020.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui