O desejo de se sentir mais seguro movimenta um mercado de alta demanda no Brasil: o de sistemas de segurança e monitoramento. É com foco em sistemas completos de vigilância residenciais e empresariais que a Orion se posiciona no franchising, com modelos de franquia de baixo investimento, baixo risco e lucratividade atrativa.

Com três modelos de negócio, com valores de investimento a partir de 53 mil reais, a Orion está iniciando seu projeto de expansão em 2019. A marca busca novos franqueados em todo o país, com oportunidades inclusive para cidades pequenas.

A trajetória da Orion começou em 2001, na cidade de Caraguatatuba, interior de São Paulo. Desde a fundação, a marca atua com foco na área de segurança eletrônica, voltada ao atendimento de residências e comércios.

Em 2005, as operações da empresa são transferidas para Pirassununga e, deste então, a Orion passa por períodos de crescimento no mercado de segurança, com ampliação no portfólio de produtos e serviços oferecidos e da estrutura da empresa.

Já em 2018, a Orion aposta em um novo projeto na área de segurança, com foco em compartilhamento e participação da população. As imagens captadas pelas câmeras instaladas na vizinhança, são transmitidas para o comando da Guarda Municipal e compartilhados com outros órgãos de segurança de cada localidade, por meio de uma plataforma de comunicação online. O sistema permite que as imagens sejam utilizadas nas triagens para deslocamento de ações pelas cidades. Atualmente, o projeto de compartilhamento conta com mais de 150 câmeras instaladas.

O sistema de expansão por franquias começou a ser estruturado em 2018 e, neste ano, o lançamento aconteceu na Exposec, feira internacional do setor de segurança, ocorrida em São Paulo.

A Orion conta hoje com duas unidades próprias, oito empresas terceirizadas e atende uma carteira de 2.500 clientes.

Produtos Orion

Os clientes da Orion encontram diferentes opções para instalação de sistemas de monitoramento e vigilância: monitoramento de alarmes, rastreamento de veículos e instalações de cercas elétricas, concertinas, sistemas de câmera e plataformas de câmera em nuvem.

A Orion também trabalha com manutenção de diferentes sistemas de segurança, venda e instalação de equipamentos, além de realizar monitoramento de idosos.

Para se diferenciar entre as concorrentes, a Orion investe em serviços e equipamentos que estão sempre ancorados nas tendências tecnológicas, como o aplicativo de monitoramento online de alarmes para celulares.

A rede também trabalha com o projeto cidade segura, com gravações em nuvem, equipamento em comodato, e oferece aos clientes manutenções gratuitas aos equipamentos de monitoramento.

Os clientes encontram atendimento presencial, monitoramento 24 horas por dia e apoio integral, todos os dias da semana.

Modelos de franquia

A Orion trabalha com três modalidades de negócio, que variam de acordo com o porte da localidade escolhida para instalação da franquia.

O modelo Miquerinos, por exemplo, exige investimento total de 52,9 mil reais, sendo indicado para cidades de 20 mil a 50 mil habitantes. O modelo Quéops requer investimento de 65,3 mil reais, ideal para cidades e regiões com mais de 100 mil habitantes. Já a franquia Quéfren é indicada para cidades de 50 mil a 100 mil habitantes, e exige investimento total de 67,8 mil reais.

O prazo de retorno das unidades é estimado em até 23 meses, e o faturamento médio é de 40 mil reais. A lucratividade é atrativa, estimada em 30%.

A Orion garante treinamento presencial com duração de uma semana, na sede da franqueadora. Os franqueados recebem manuais de franquia, apoio na escolha do ponto comercial e suporte na inauguração da unidade. A rede ainda oferece consultoria de campo e acompanhamento da operação e dos resultados da franquia.

A franqueadora busca por franqueados em todo o país, que tenham perfil técnico comercial e se identifiquem com a marca. É importante ter facilidade para se relacionar com o público, além de saber liderar uma equipe de funcionários.

Cadastre-se para saber mais sobre a franquia:

DEIXE UMA RESPOSTA