Qualquer empresa, independente do tamanho ou segmento, precisa de um recebimento constante de valores para garantir que continue tendo caixa suficiente para manter a operação e continuar crescendo, e no caso das franquias isso não é diferente.

Porém, boa parte das redes de franchising não dependem apenas da venda direta de produtos e serviços para o consumidor final, mas sim das taxas cobradas de seus franqueados.

➥ Quer ter uma franquia de sucesso? Confira nosso manual e saiba como fazer uma gestão mais eficiente

Normalmente essas taxas correspondem aos royalties, que garantem ao franqueado o direito de usar o nome e receber o suporte da marca, e à taxa de franquia, remuneração pela transmissão do know-how e treinamento.

Por isso a inadimplência nas franquias é uma das grandes preocupações das marcas que atuam com franchising, afinal, quando uma unidade começa a atrasar ou deixa de fazer esses e outros pagamentos, a estabilidade financeira da franqueadora está imediatamente arriscada.

São necessárias estratégias muito bem pensadas para evitar ou diminuir os casos de inadimplência nas franquias e, a seguir, veremos algumas delas.

Monitore os resultados

Dificilmente um franqueado para de fazer seus pagamentos da noite para o dia e, muitas vezes, a inadimplência nas franquias é causada por problemas financeiros que se arrastam por meses.

O quadro pode começar com alguns atrasos e pedidos de descontos e, conforme a situação se agrava, ele para completamente de pagar as taxas.

Por isso, a melhor forma de lidar com inadimplência nas franquias é monitorar de perto os resultados de cada unidade.

Analisando cuidadosamente o faturamento das franquias, a rede ganha a possibilidade de identificar ou mesmo prever momentos de crise e dar o devido suporte para que o franqueado contorne a situação.

Busque descobrir as causas

Conhecer bem o faturamento das redes de sua franquia é um ótimo primeiro passo, e o segundo é interpretar os resultados.

Uma queda significativa no faturamento pode significar várias coisas, como problemas no atendimento, falhas na gestão, divulgação ineficiente e até a presença de um novo concorrente na área, e é importante que franqueado e franqueadora estejam juntos para identificar qual o foco do problema e descobrir a melhor forma de resolvê-lo.

Garanta o entendimento sobre as finanças

A comunicação entre franqueado e franqueadora precisa ser sempre muito transparente, e isso inclui, também, os assuntos referentes à área financeira.

Explicar muito bem quais valores deverão ser pagos para a rede, como e por que, ainda durante a seleção, é um dos passos mais importantes para garantir que o empreendedor estará ciente da importância das taxas cobradas e qual será o retorno de seus pagamentos.

Como muitas das taxas praticadas pelas franqueadoras levam em consideração o valor da receita bruta obtida pela unidade dentro de um e período, também vale mencionar como a marca faz o monitoramento da receita de cada franquia.

Evite as exceções

As relações entre franqueado e franqueador devem ser estritamente profissionais e sérias, principalmente no que diz respeito aos pagamentos.

Imagine o seguinte: sua franquia estipula que as taxas devem ser pagas até dia 10 e que, a partir dessa data, será cobrado um valor de multa por dia de atraso, mas uma de suas unidades não faz o pagamento no dia do vencimento e pede uma nova fatura para dia 15 sem o reajuste.

Se a franqueadora permitir que ela não pague a multa correspondente ao atraso, por que essa ou outras unidades vão se sentir na obrigação de fazer seus pagamentos na data correta?

Se uma rede deseja que os seus franqueados levem as cláusulas contratuais a sério, ela também deve levar.

Valorize os pagamentos em dia

Se o pagamento em atraso é punido, recompensar quem está sempre em dia também pode ser uma excelente estratégia porque incentiva todas as unidades, inclusive as que estão em atraso.

Oferecer descontos na renovação do contrato, facilidades para as compras de insumos, bonificações em produtos e outras facilidades, mostra que sua marca valoriza os franqueados que fazem os pagamentos nas datas corretas e que entende que eles tem mais chances de prosperar.

Automatize as cobranças com Solutto

Garantir que sua empresa estará por dentro das receitas das franquias, possa calcular corretamente as taxas e direcionar as cobranças, demanda muito tempo, boas ferramentas e conhecimento, e nem todas as redes dispõem de toda essa estrutura para fazer uma gestão com excelência. Nesse caso, uma das melhores opções é automatizar o processo.

O Solutto tem um módulo específico para gestão de cobrança automatizada que permite que o franqueador acompanhe os resultados da rede em tempo real, faz os cálculos de taxas como royalties e fundo de publicidade de acordo com os parâmetros da franquia e notifica os franqueados sobre a emissão da fatura.

Quando o pagamento é feito, o sistema do Solutto também atualiza automaticamente o fluxo financeiro da empresa, e quando não identifica os pagamentos, o recurso também se encarrega de fazer a cobrança por SMS e e-mail por até cinco semanas.

Com um controle firme como o que o Solutto oferece, as chances dos clientes se manterem inadimplentes diminuem consideravelmente.

DEIXE UMA RESPOSTA