Para incentivar a entrada de novos franqueados na rede, o Brasileirinho Delivery anuncia uma parceria com o Banco do Brasil que promete flexibilizar as condições de investimento. Com a novidade, os candidatos a franqueados poderão financiar até 80% do investimento inicial para abrir uma unidade da marca.

O Banco do Brasil oferece aos novos franqueados do Brasileirinho Delivery o prazo de 72 meses para pagamento do valor financiado. A carência para começar a pagar as prestações é de um ano após a aprovação do crédito pela instituição.

Especialista em delivery de comida brasileira, a rede de franquias de alimentação tem modelos com investimento a partir de 120 mil reais.

“No final do ano passado o Banco do Brasil entrou em contato com a gente para informar que tínhamos disponível o benefício de financiamento para possíveis investidores. Por sermos uma empresa jovem com muitos resultados positivos em pouco tempo isso provavelmente chamou a atenção do banco”, explica Jhonathan Ferreira, diretor executivo do Brasileirinho Delivery, em nota divulgada à imprensa.

De olho no mercado de franquias nacional, o Banco do Brasil atua com o programa BB Franquia, mantendo convênios com diversas franqueadoras do mercado. Por meio desse programa, o banco busca oferecer financiamentos e outros produtos financeiros com taxas mais acessíveis para pessoas que querem se tornar investidores do franchising.

De acordo com Ferreira, a procura por oportunidades de financiamento para a abertura de novas unidades já era comum na rotina da franqueadora. Segundo informações divulgadas por meio da assessoria, cerca de 80% dos contatos cadastrados com interesse em se tornar franqueados não possuem capital suficiente para implantar a franquia.

“As pessoas sempre perguntam se existem linhas de crédito para implantação do Brasileirinho, pois muitos possuem metade do investimento e não conseguem levantar o restante, nem identificar um sócio para entrar com esse capital. Por isso, é comum que alguns interessados desistam da ideia de abrir uma unidade. O prazo para pagamento, os juros mais baixos e o tempo de carência oferecidos pelo Banco do Brasil são um grande incentivo para quem deseja ter seu próprio negócio, uma vez que possibilita aos investidores um fôlego maior para a manutenção da unidade”, complementa o diretor do Brasileirinho Delivery.

A parceria com o Banco do Brasil deve potencializar a expansão da rede. Até o final de 2019, o Brasileirinho Delivery espera um aumento de até 50% em novos negócios. Atualmente, são 90 unidades de franquias em operação em todo o país.

Investimento total: R$ 120 mil a R$ 150 mil
Taxa de franquia: R$ 35 mil
Royalties: a partir de R$ 1,5 mil
Faturamento médio: R$ 60 mil a R$ 80 mil
Prazo de retorno: 20 a 24 meses

DEIXE UMA RESPOSTA