As férias acabaram, as escolas retomam o período de aulas e gente fica com aquela sensação de que o ano começou de verdade, não é mesmo? E se você está à procura de um novo negócio e entende que chegou a hora de exercer seu lado empreendedor, é bom que saiba que o futuro do mercado de franquias no Brasil é bastante promissor.

A ABF (Associação Brasileira de Franchising) registrou no terceiro trimestre de 2018 um índice de faturamento de 14,7 bilhões de reais, um crescimento de 6,3% em relação a 2017, no mesmo período. Em contraposição, apenas 45% dos municípios brasileiros possuem franquias, ou seja, o mercado está aberto para novos investidores.

Buscar uma franquia pode ser um excelente caminho para quem não tem experiência como dono de seu próprio negócio, pois você não parte do zero – já começa com marca estabelecida, processos previamente testados, suporte, treinamento e outros franqueados para trocar experiências e compartilhar boas práticas.

Além disso, existem excelentes opções de operações para quem tem baixo capital disponível. São franquias mais baratas, com baixo investimento inicial e operação bem simples, de baixo custo, conhecidas como microfranquias (clique aqui e leia mais sobre no artigo que escrevi especialmente sobre o tema). Outro tipo de operação bastante comum (e muitas das microfranquias atuam nesse modelo) são os quiosques, que tem custo de instalação infinitamente menor que uma loja.

No caso de quiosques, fique sempre atento ao contrato que firmará com o shopping center, de forma que você não seja surpreendido por uma troca de ponto, ou aumento significativo de aluguel – o que pode afetar diretamente seu faturamento. Em muitos casos, o quiosque é cedido em comodato (um tipo de empréstimo, enquanto você é franqueado), o que diminui ainda mais os custos iniciais da operação. Além disso, quiosques costumam operar com equipe enxuta, reduzindo e simplificando ainda mais a operação.

Ainda no mundo das franquias de baixo investimento, existem diversas opções de franquias de serviços, que permitem que você opere em formato de home based, diminuindo ainda mais os investimentos iniciais, já que você não precisará alugar e/ou reformar um escritório/loja.

Em todos os casos, lembre-se sempre de ler com cuidado todas as informações da COF e Contrato, e contar com a ajuda de profissionais para tirar todas as suas dúvidas. Visite as operações, converse com outros franqueados e só então, tome uma decisão. Aproveite as oportunidades que este mercado tão promissor oferece.

DEIXE UMA RESPOSTA