De olho no mercado internacional, a Happy Code está em meio a um forte processo de expansão no exterior. A rede de escolas de programação para crianças já tem 15 unidades em Portugal e uma em Angola, e projeta chegar a outros quatro países ainda em 2019.

Os próximos destinos da Happy Code devem ser China, França, Espanha e México. Já para 2020, o plano da marca é buscar expansão para os Estados Unidos.

Com 15 escolas já instaladas em Portugal, a empresa tem uma estratégia bem estruturada para continuar crescendo na Europa. A Happy Code projeta a criação de espaços físicos em grandes centros urbanos, com o objetivo de mostrar o negócio e vender a estrutura educacional de codificação e robótica a escolas privadas.

A expansão pelo México guarda boas perspectivas para a franquia. O país, que pratica um modelo de educação complementar semelhante ao brasileiro, tem um bom potencial para a expansão em escala da marca.

Já para atingir o mercado da China, a estratégia da Happy Code é estabelecer, primeiramente, uma base em Hong Kong para estudar e conhecer melhor o cenário.

“Codificar para crianças é algo novo em geral, mas começamos a ver uma demanda crescente por operações franqueadas fora do Brasil. Essa demanda inicialmente veio de brasileiros que vivem no exterior”, conta Rodrigo Santos, CEO da Happy Code. De acordo com informações da assessoria da marca, a franqueadora foi procurada por 17 mercados diferentes em 2018.

Fundada em 2015 por Rodrigo Santos, a Happy Code é referência no segmento de escolas de tecnologia. A rede trabalha com o modelo de ensino STEAM, que integra conceitos de Ciências, Tecnologia, Engenharia, Artes e Matemática em uma mesma metodologia, e oferece cursos interativos de programação, robótica, desenvolvimento de games e aplicativos. Os cursos são voltados para crianças e adolescentes, com alunos a partir de cinco anos de idade.

Expansão no Brasil

Em paralelo à expansão internacional, a Happy Code segue com um projeto de crescimento pelo Brasil. A rede espera crescer 15% no mercado nacional em 2019, atingindo 150 unidades franqueadas. Hoje, são 130 escolas da marca em diferentes estados brasileiros.

São mais de 10 mil alunos ativos e um total de 35 mil crianças e adolescentes que já foram impactados pela marca. Em 2018, a Happy Code faturou 50 milhões de reais.

DEIXE UMA RESPOSTA