Mesmo em tempos de crise alguns mercados não deixam de faturar, pois são prioridade na vida dos consumidores. O mercado de educação é um deles, o que abre espaço para a expansão de franquias de educação infantil.

As redes do segmento de educação disponibilizam modelos diversos para os investidores, incluindo opções de franquias baratas e home based. Além de modelos de baixo investimento, a oportunidade de instalação em cidades pequenas também potencializa a expansão do setor, que tem força no mercado de franchising brasileiro.

➥ Busca franquias na área educacional? Confira nosso guia de franquias de educação (com valores de investimento)

De acordo com dados da Associação Brasileira de Franchising (ABF), 15% das 50 maiores franquias do Brasil são do setor de educação. O Kumon lidera o ranking no segmento, com 1,4 mil unidades ativas no país.

Além disso, as franquias de educação como um todo têm registrado um bom índice de crescimento. Ainda segundo a ABF, essas redes cresceram 5% no primeiro semestre de 2017, registrando um faturamento de 5,334 bilhões de reais.

Quem pensa em entrar nesse ramo encontra nichos distintos para a atuação, e as franquias de educação infantil chamam a atenção pela demanda do serviço.

Para Leonardo Andreoli, diretor da rede Ensina Mais Turma da Mônica, a principal vantagem de investir em uma franquia de educação para crianças é que esse é um serviço essencial para a população. “A educação, principalmente a infantil, é uma demanda constante da sociedade, pois o mercado de trabalho torna-se cada vez mais competitivo, fazendo os responsáveis se preocuparem em oferecer um ensino de qualidade aos seus filhos mais cedo”, explica o especialista.

Nesse mercado, é possível encontrar redes que atendem o público infantil e oferecem diferentes tipos de cursos, o que possibilita que os investidores encontrem o tipo de negócio com o qual mais se identificam. Entre as opções estão franquias de escolas de idiomas (principalmente de ensino de língua inglesa), cursos extracurriculares e aulas de reforço escolar, além de redes que buscam estimular a concentração e o aprendizado das crianças.

Para entrar nesse setor por meio de franquias, nem sempre é necessário ter formação na área de educação ou pedagogia: várias redes oferecem oportunidades para empreendedores de áreas diversas, inclusive que ainda não têm experiência com educação. Porém, buscar capacitação e atualização frequente é indispensável para ter sucesso nesse segmento.

“É fundamental acreditar na importância do apoio escolar e das franquias de idiomas como serviços que podem mudar vidas e capacitar cada vez mais crianças e jovens para encarar a vida em sociedade e, no futuro, o mundo do trabalho. É preciso ainda entender o público infantil e pensar em estratégias de comunicação e negócios que consigam conquistar os responsáveis e, ao mesmo tempo, produzir um ensino efetivo dentro das salas de aula”, destaca Leonardo.

Além disso, vale pontuar que esse é um mercado competitivo, que conta com grandes players. Assim, o interessado deve fazer uma análise cuidadosa de sua região para apurar quem são os concorrentes próximos, se há público para absorver o serviço e quais são os diferenciais da rede de interesse.

“O maior desafio é a necessidade de estar atualizado em relação às mudanças tecnológicas, econômicas e sociais, uma vez que apenas a abertura de uma escola não é garantia de retorno financeiro. O ensino deve ter conteúdo e a gestão deve ser baseada em uma governança corporativa de qualidade”, finaliza Leonardo.

A seguir você confere algumas opções de franquias de educação infantil, incluindo escolas de idiomas e complemento escolar. Os dados de investimento são informados pelas próprias empresas ou divulgados pela ABF.

1Ensina Mais Turma da Mônica

A Ensina Mais é especializada em complemento escolar, oferecendo cursos de matemática, português, inglês e informática para crianças com idades entre seis e 14 anos. A metodologia de ensino é individualizada, com aulas 100% digitais. A rede também tem parceria com a Maurício de Sousa Produções, licenciando cursos e materiais de ensino com os personagens da Turma da Mônica.

Investimento total: R$ 70 mil a R$ 100 mil
Taxa de franquia: R$ 30 mil
Royalties: valor fixo por computador instalado
Faturamento médio: R$ 18 mil
Prazo de retorno: até 24 meses

2Pingu’s English

Atendendo alunos de dois a dez anos de idade, a Pingu’s English é uma rede de escolas de inglês para crianças. As unidades trabalham com uma metodologia de ensino lúdica, apoiando-se em recursos audiovisuais. A preferência é por franqueados que sejam profissionais da área de educação e que tenham experiência com língua inglesa.

Investimento total: R$ 80 mil a R$ 150 mil
Taxa de franquia: R$ 30 mil a R$ 45 mil
Royalties: valor fixo
Faturamento médio: R$ 25 mil
Prazo de retorno: até 24 meses

3SMARTblocks

*Este é um conteúdo patrocinado por anunciante.A metodologia exclusiva da SMARTblocks busca desenvolver o raciocínio lógico, coordenação motora, trabalho em grupo, liderança, concentração, senso crítico, organização, criatividade, entre outras habilidades. A rede oferece aulas de robótica pedagógica e atua junto a escolas particulares de ensino regular, atendendo a alunos da educação infantil e do ensino fundamental I. Saiba mais sobre a franquia.

Investimento total: R$ 58 mil
Taxa de franquia: R$ 29,5 mil
Royalties: variável
Faturamento médio: R$ 27 mil
Prazo de retorno: 12 a 24 meses

4The Kids Club

Com cursos para crianças entre dois e 12 anos de idade, a The Kids Club é especializada no ensino de inglês. Além dos cursos, a rede oferece serviços de certificação internacional e intercâmbios especiais para crianças e adolescentes de oito a 17 anos. A franquia pode ser home based ou no modelo loja.

Investimento total: R$ 30 mil a R$ 40 mil
Taxa de franquia: R$ 25 mil
Royalties: 12,5%
Faturamento médio: R$ 17 mil a R$ 25 mil
Prazo de retorno: 12 a 24 meses

5Kumon

Fundado no Japão, o Kumon é uma das maiores franquias em atuação no Brasil. A rede oferece cursos livres de português, matemática, inglês e japonês para alunos a partir da fase pré-escolar. Os candidatos passam por testes básicos de conhecimento em português e matemática no processo para se tornarem franqueados.

Investimento total: R$ 35,46 mil a R$ 50,67
Taxa de franquia: R$ 3,46 mil a R$ 5,67 mil
Royalties: 40% do preço sugerido dos cursos
Faturamento médio: R$ 27 mil
Prazo de retorno: 18 a 24 meses

6Tutores

A Tutores é especializada em reforço escolar, aulas particulares e tutoria multidisciplinar, além de ter opções de cursos livres de curta duração. A franquia pode iniciar a operação no sistema home based, e é necessário que o franqueado tenha formação superior.

Investimento total: R$ 25 mil a R$ 55 mil
Taxa de franquia: R$ 15 mil a R$ 30 mil
Royalties: R$ 702,75 fixo
Faturamento médio: não informado
Prazo de retorno: 6 a 12 meses

7Learning Fun

A Learning Fun trabalha com a oferta de ensino de inglês para crianças entre oito meses e sete anos de idade. Com uma metodologia flexível e com foco na formação de alunos bilíngues, a rede também trabalha em parceria com escolas regulares.

Investimento total: R$ 30 mil
Taxa de franquia: R$ 20 mil
Royalties: 10% das compras
Faturamento médio: não informado
Prazo de retorno: 18 a 48 meses

8Red Balloon

Também atuando na área de cursos de idiomas, a Red Balloon oferece ensino de inglês para crianças e adolescentes a partir de três anos de idade. Além dos cursos de inglês tradicionais, a rede também tem opções de cursos extras para prática e fluência da língua, como artes, teatro, raciocínio lógico e empreendedorismo.

Investimento total: R$ 580 mil a R$ 1,05 milhão
Taxa de franquia: R$ 80 mil a R$ 100 mil
Royalties: 7% do faturamento bruto
Faturamento médio: R$ 153 mil
Prazo de retorno: 18 a 60 meses

9Teddy Bear

A Teddy Bear oferece cursos de inglês para crianças e adolescentes, atendendo alunos a partir de dois anos de idade. As escolas trabalham com uma metodologia que visa a imersão no idioma e turmas com número de alunos reduzido.

Investimento total: R$ 440 mil a R$ 490 mil
Taxa de franquia: R$ 40 mil
Royalties: 7% do faturamento bruto
Faturamento médio: não informado
Prazo de retorno: 24 a 48 meses

10Supera

A Supera é uma rede especializada em ginástica cerebral, que visa melhorar o desempenho cognitivo de pessoas de todas as idades. Criado inicialmente para o público infantil e adolescente, o método busca trabalhar a atenção, concentração e agilidade de raciocínio, e as unidades podem atuar em conjunto com escolas.

Investimento total: R$ 119 mil a R$ 229 mil
Taxa de franquia: R$ 49 mil a R$ 59 mil
Royalties: 12% do faturamento bruto
Faturamento médio: R$ 28,8 mil
Prazo de retorno: 18 a 24 meses

11Ginástica do Cérebro

A Ginástica do Cérebro atende crianças e jovens a partir de quatro anos de idade, oferecendo exercícios de ativação cerebral e incentivando o desenvolvimento de atividades cognitivas, motoras, raciocínio lógico, etc. É possível atuar também em conjunto com escolas regulares.

Investimento total: R$ 33 mil a R$ 78 mil
Taxa de franquia: R$ 13 mil a R$ 28 mil
Royalties: variável
Faturamento médio: não informado
Prazo de retorno: 18 a 24 meses

12Leader Kids

A Leader Kids oferece um programa educacional extracurricular que busca desenvolver o relacionamento interpessoal, autoconfiança, pensamento criativo, liderança, habilidades de comunicação, entre outras competências. O atendimento é voltado para crianças com idade entre dois e dez anos.

Investimento total: R$ 27,55 mil a R$ 110 mil
Taxa de franquia: não informado
Royalties: variável
Faturamento médio: R$ 21 mil
Prazo de retorno: 12 a 24 meses

DEIXE UMA RESPOSTA