O franchising está constantemente em busca de inovação: o surgimento de diferentes formatos de negócio atrai empreendedores de todos os setores. Ainda assim, as tradicionais franquias de loja continuam se destacando no mercado.

Segundo dados da Associação Brasileira de Franchising (ABF), as lojas são a modalidade de operação predominante das franquias em funcionamento: 90% das unidades operam nesse formato. As lojas também são o principal canal de venda no franchising, com total de 75,1% de presença. A título de comparação, o segundo maior canal de venda é o e-commerce, com apenas 1,7% de presença. Os dados são referentes ao primeiro trimestre de 2017.

A popularidade do formato tem muito a ver com sua flexibilidade – a grande maioria dos segmentos do franchising podem atuar neste modelo. Assim, desde redes especializadas na comercialização de produtos até marcas que trabalham com a oferta de serviços podem se adaptar ao formato loja.

Para Angelina Stockler, sócia-diretora da consultoria de redes ba}STOCKLER, a maior vantagem de uma franquia de loja é que franqueador e franqueado encontram no modelo a oportunidade de proporcionar uma melhor experiência de marca para o cliente.

“​Os quiosques têm a barreira do espaço restrito. Já as lojas conseguem trabalhar melhor a vitrine para atrair a clientela e passar o conceito da marca, além de ter mais espaço para oferecer a linha completa dos produtos e serviços”, avalia a especialista.

Embora a oportunidade de trabalhar com maior diversidade no mix de produtos ou serviços e de oferecer mais conforto ao público atendido seja atrativa, é preciso levar em conta que o investimento em uma franquia de loja exige mais disponibilidade de capital.

“A preocupação do interessado em uma franquia de loja deve ser com a viabilidade econômico-financeira, uma vez que os custos operacionais são maiores”, acentua Angelina.

As franqueadoras costumam disponibilizar para os investidores o layout pronto da loja, de acordo com os padrões e a identidade visual da marca. Assim, é preciso dar conta de itens como mobiliário completo e reforma arquitetônica do imóvel, que também precisa ter uma área mínima maior que a requerida em outros formatos.

Além disso, enquanto modelos mais compactos, como quiosques, ou operações home based podem não exigir a contratação de funcionários, contando apenas com o próprio franqueado, as lojas geralmente necessitam de uma equipe maior para atendimento.

Portanto, é preciso colocar no papel os custos com salários de funcionários, aluguel do imóvel e outras despesas operacionais que farão parte da rotina do negócio, indo além do investimento inicial.

Outro desafio diretamente ligado ao desempenho do negócio é encontrar um bom ponto comercial. A ABF apurou que a maior parte das franquias é de unidades de rua (65,9% das unidades) e de shopping centers (23% das unidades).

Muitas franqueadoras oferecem suporte ao franqueado na seleção do ponto, mas é preciso que o empreendedor também esteja atento às possibilidades.

Para encontrar o imóvel ideal, a dica de Angelina é partir para um trabalho de campo para observar de perto bons pontos comerciais – estejam eles vazios ou não. “A partir disso, o próximo passo é analisá-los para definir quais representam uma boa oportunidade de negócio: visibilidade, acessibilidade, estacionamento, posição estratégica, aluguel e adaptações físicas condizentes com as necessidades”, sugere a especialista.

A seguir você confere algumas opções de franquias de lojas em segmentos variados. Os dados são da ABF e referem-se apenas aos modelos de lojas de cada rede.

1Pastore

A Pastore trabalha com dois modelos de franquias de loja: para espaços de 70 metros quadrados e de 100 metros quadrados. As unidades trabalham com produtos diversos nas áreas de casa, construção, informática e eletrônicos.

Investimento total: R$ 185 mil a R$ 239 mil
Taxa de franquia: R$ 40 mil
Royalties: não informado
Faturamento médio: não informado
Prazo de retorno: 18 meses

2Capodarte

A Capodarte atua no segmento de Moda, comercializando calçados, bolsas e acessórios para o público feminino. Para instalar o modelo, a área indicada pela franqueadora é de 40 a 60 metros quadrados e o número de funcionários fica entre cinco e dez. São mais de 50 unidades em operação no Brasil.

Investimento total: R$ 425 mil a R$ 520 mil
Taxa de franquia: R$ 45 mil
Royalties: 45% sobre as compras
Faturamento médio: não informado
Prazo de retorno: 36 a 60 meses

3Havaianas

A Havaianas é uma das marcas brasileiras mais populares, tanto dentro do próprio país quanto no exterior. Com mais de 360 unidades franqueadas no formato de loja, a área de uma loja da rede deve ser de 40 a 100 metros quadrados. Para cuidar do atendimento, o número de funcionários recomendado é de três a sete. A Havaianas também oferece franquias no formato quiosque.

Investimento total: R$ 300 mil a R$ 1 milhão
Taxa de franquia: R$ 45 mil
Royalties: não cobra
Faturamento médio: não informado
Prazo de retorno: 12 a 36 meses

4Via Mia

A marca carioca comercializa calçados, bolsas e acessórios femininos. As lojas Via Mia têm área de 60 a 100 metros quadrados e contam com um equipe de sete a 18 funcionários. Atualmente, são mais de 70 unidades em operação.

Investimento total: R$ 265 mil a R$ 585 mil
Taxa de franquia: R$ 65 mil
Royalties: 3% sobre as compras
Faturamento médio: R$ 240 mil
Prazo de retorno: 18 a 30 meses

5Folic

A Folic trabalha com moda feminina, comercializando roupas e acessórios tanto para o dia a dia quanto para ocasiões especiais. Para instalar uma loja da marca, a franqueadora indica uma área de 40 a 100 metros quadrados, com equipe de três a oito funcionários. A rede conta com mais de 30 unidades em operação.

Investimento total: R$ 245 mil a R$ 325 mil
Taxa de franquia: R$ 45 mil
Royalties: 0,35% sobre as compras
Faturamento médio: R$ 245 mil
Prazo de retorno: 10 a 24 meses

6Yes! Cosmetics

A Yes! Cosmetics é uma rede especializada na comercialização e maquiagens e cosméticos de marca própria. Embora o formato de quiosque seja o mais popular da rede, a Yes! também busca expansão no modelo de lojas. Para instalar uma unidade desse tipo, a área exigida vai de 30 a 100 metros quadrados com entre três e dez funcionários.

Investimento total: R$ 180 mil a R$ 230 mil
Taxa de franquia: R$ 30 mil
Royalties: 30% sobre as compras
Faturamento médio: não informado
Prazo de retorno: 24 a 36 meses

7iGUi

A iGUi é uma empresa renomada no mercado de piscinas, que trabalha com um modelo de franquia de lojas. As unidades comercializam, além das piscinas, móveis e acessórios para área de lazer, produtos químicos, sistemas de filtragem, saunas, spas, iluminação, entre outros.

Investimento total: a partir de R$ 250 mil
Taxa de franquia: R$ 100 mil
Royalties: 5% sobre compras
Faturamento médio: R$ 100 mil
Prazo de retorno: até 24 meses

8Petland

A Petland é uma franquia que atua no mercado pet, trabalhando com a venda de produtos e oferta de serviços. A petshop tem lojas grandes: a área indicada vai de 80 a 1.000 metros quadrados, e o número de funcionários fica entre cinco e 20. A rede, que está presente em 19 países, tem mais de 30 unidades em funcionamento no Brasil.

Investimento total: R$ 299,8 mil a R$ 1,5 milhão
Taxa de franquia: R$ 37,8 mil a R$ 56,7 mil
Royalties: 5% sobre faturamento bruto
Faturamento médio: não informado
Prazo de retorno: 24 a 36 meses

9Multicoisas

Parte do segmento de Casa e Construção, a Multicoisas é uma rede de franquias que trabalha com um amplo mix de produtos – as lojas contam com itens de informática, elétrica, ferramentas, segurança, lazer e utilidades para casa em geral. As unidades podem ter de 80 a 120 metros quadrados de área, com equipe de atendimento com entre oito e 12 funcionários.

Investimento total: R$ 657 mil a R$ 759 mil
Taxa de franquia: R$ 75 mil
Royalties: 5% sobre o faturamento bruto
Faturamento médio: R$ 185 mil
Prazo de retorno: 48 a 60 meses

10Imaginarium

A Imaginarium comercializa artigos para casa, decoração, objetos pessoais e presentes. Com presença em todo o país, a marca conta com mais de 200 lojas em operação. Para instalar uma unidade neste formato, a área deve ser de 30 a 60 metros quadrados, com de seis a dez funcionários. A Imaginarium também oferece a opção de franquias no formato de quiosque.

Investimento total: R$ 125 mil a R$ 415 mil
Taxa de franquia: R$ 30 mil a R$ 40 mil
Royalties: 5% sobre faturamento bruto
Faturamento médio: não informado
Prazo de retorno: 28 a 40 meses

11Nexar

A Nexar é uma rede especializada na venda de eletrônicos e artigos de informática: computadores, notebooks, periféricos, acessórios, câmeras, impressoras e suprimentos, equipamentos de jogos, áudio e vídeo. É possível montar uma loja Nexar com de quatro a seis funcionários, em um espaço de 30 a 60 metros quadrados.

Investimento total: R$ 180 mil a R$ 381,8 mil
Taxa de franquia: R$ 3 mil a R$ 35 mil
Royalties: 2% sobre faturamento bruto
Faturamento médio: R$ 250,65 mil
Prazo de retorno: 36 a 48 meses

12Loft

Focada em design e inovação, a Loft trabalha com a comercialização de gadgets, periféricos e acessórios para smartphones e eletrônicos. As lojas podem ter de 30 a 70 metros quadrados de área, com equipe de quatro a sete funcionários. A Loft também disponibiliza franquias no modelo quiosque.

Investimento total: R$ 135 mil a R$ 155 mil
Taxa de franquia: R$ 25 mil
Royalties: 6% sobre faturamento bruto
Faturamento médio: não informado
Prazo de retorno: 16 a 24 meses

13Cacau Show

A Cacau Show é uma das franquias mais populares do Brasil, com mais de 1.900 lojas espalhadas em todas as regiões do país. As lojas podem ser instaladas em uma área de 20 a 28 metros quadrados, com entre dois e cinco funcionários. A rede, que tem como foco a comercialização de chocolates de marca própria, oferece ainda outros modelos de franquias, como quiosque e home based.

Investimento total: R$ 162,4 mil a R$ 205,3 mil
Taxa de franquia: R$ 40 mil
Royalties: 50% sobre as mercadorias
Faturamento médio: não informado
Prazo de retorno: 18 a 24 meses

14Substância

A Substância é uma rede de alimentação com foco em gastronomia light. A marca comercializa alimentos saudáveis congelados para consumo rápido, incluindo massas, lanches, bebidas, biscoitos e barras de cereal. É possível operar a loja com uma equipe de um a três funcionários, em uma área de 20 a 60 metros quadrados.

Investimento total: R$ 130 mil a R$ 290 mil
Taxa de franquia: R$ 25 mil a R$ 55 mil
Royalties: não cobra
Faturamento médio: não informado
Prazo de retorno: 24 a 36 meses

15Vinho & Ponto

Com 25 lojas em operação, a Vinho & Ponto é especializada na venda de vinhos de diversas marcas, tipos e países. O franqueado pode instalar a loja em um espaço com área de 35 a 70 metros quadrados e o número indicado de funcionários é de um ou dois.

Investimento total: R$ 155 mil a R$ 175 mil
Taxa de franquia: R$ 35 mil
Royalties: 30% sobre as compras
Faturamento médio: não informado
Prazo de retorno: 24 meses

16CI Turismo

A CI é uma empresa de intercâmbio e turismo voltada ao público jovem, com mais de 90 lojas em operação no Brasil. A área da unidade deve ser de 12 a 150 metros quadrados, com equipe de funcionários entre um e 15. A franqueadora também oferece franquias no modelo home based.

Investimento total: R$ 20 mil a R$ 218 mil
Taxa de franquia: R$ 10 mil a R$ 28 mil
Royalties: não cobra
Faturamento médio: R$ 250 mil
Prazo de retorno: 6 a 36 meses

175àsec

A 5àsec é uma rede de lavanderias que conta com mais de 420 lojas espalhadas por todo o Brasil. Para instalar uma unidade da franquia, que atua no segmento de serviços, a área exigida é de 70 a 90 metros quadrados. A loja deve ter entre quatro e seis funcionários.

Investimento total:  R$ 440 mil a R$ 570 mil
Taxa de franquia: R$ 50 mil
Royalties: 5% sobre faturamento bruto
Faturamento médio: R$ 45 mil
Prazo de retorno: 40 meses

DEIXE UMA RESPOSTA