A doceria Cristallo, que nasceu nos anos 1950, reformatou o seu negócio e almeja marcar presença nas principais captais brasileiras até 2018. Além disso, até o final do próximo ano, a rede abrirá mais cinco unidades no estado de São Paulo. Atualmente, há dez unidades da marca espalhadas pela capital paulista.

“Além de expandir para as capitais do país, temos a pretensão de chegar a cidades que tenham ao menos 200 mil habitantes e com renda per capita média de R$ 1,1 mil. Esse é o perfil que buscamos para levar a Cristallo para outras regiões”, diz José Poppa, sócio-proprietário da confeitaria.

De acordo com ele, a expansão da rede tem como objetivo fortalecer e solidificar o mercado de doces em diferentes regiões. No entanto, a percepção dos produtos artesanais da marca é um dos desafios para que a meta seja atingida. “Todos os nossos produtos são sem conservantes. Queremos um crescimento em espiral, com as franquias parceiras próximas à unidade central. A expansão precisa ser planejada”, explica Poppa.

Vale destacar que o setor de panificação e confeitaria, bastante específico para a Cristallo, faturou R$ 84 bilhões em 2015, segundo levantamento feito pelo Instituto Tecnológico de Panificação e Confeitaria (ITPC), registrando aumento de 2,7% em relação ao ano anterior.

Investimento total: R$ 161,5 mil
Taxa de franquia: R$ 40 mil
Royalties: 3% sobre o faturamento
Faturamento médio mensal: R$ 80 mil
Prazo de retorno: 36 meses

COMPARTILHE
Artigo anteriorConfira 11 franquias automotivas
Próximo artigo66% das redes de franquias vão participar da Black Friday 2016
Graduada em jornalismo pela Faculdade Cásper Líbero e pós-graduanda em Gestão de Marketing pela Escola Superior de Propaganda e Marketing, sua paixão é escrever e tem curiosidade sobre os mais diversos temas. Já trabalhou em editorias de entretenimento, esportes, saúde, bem-estar, PME e gestão de carreiras.

DEIXE UMA RESPOSTA