O avanço da tecnologia mudou muito as dinâmicas de trabalho em praticamente todas as áreas. Muitas tarefas que antes exigiam esforço manual e altos gastos, hoje já podem ser digitalizadas e automatizadas por um custo muito menor.

A Prospecta Obras, rede de franquias que atua no setor de construção civil, usou alguns recursos tecnológicos para inovar sua operação e está causando uma verdadeira revolução em seu mercado.

Nesta edição do Franchise Insider, o fundador da Prospecta Obras, Wanderson Leite, fala sobre a importância da tecnologia para o desenvolvimento da franquia e revela quais são os próximos passos da companhia.

Analógico x Digital

A Prospecta Obras nasceu em 2008, com o intuito de conectar empresas do segmento de construção com pessoas físicas e jurídicas que poderiam precisar de equipamentos, profissionais, ferramentas e materiais de construção.

Em outras palavras, a Prospecta Obras apresentava quem oferecia serviços ligados à construção civil, para quem estava construindo ou reformando. Com isso, a empresa oferece uma poderosa vantagem competitiva para seus clientes.

Hoje, “conectar” já entrega que essa ponte deve ser feita por meio de um arrojado sistema digital. E é mesmo. Mas antes não era assim.

Há mais de 12 anos, a conexão que Wanderson e sua equipe faziam era majoritariamente manual e artesanal.

“Nós contratávamos motoboys que faziam entregas pela região do Vale do Paraíba para levantar quais eram as obras em andamento”, conta Wanderson.

Os motoboys recolhiam informações iniciais sobre tamanho da obra, finalidade e responsável pelo projeto e contatos. Em uma segunda etapa, a equipe de Wanderson ligava para o responsável, apurava mais dados sobre a construção e, então, gerava um relatório. Esse material era enviado para os comerciantes que ofereciam produtos e serviços da região.

Quando esse trabalho era offline, porém, a atuação da companhia era muito limitada e a captação e organização dos dados era trabalhosa.

Wanderson relembra o ponto de virada: “Nós chegamos a ter mais de 100 motoboys prestando esse serviço para nós, mas quando pensamos em expandir a atuação percebemos que essa estratégia não seria escalável”.

“Muitos setores acham que a transformação digital só acontece em outros segmentos. Mas a verdade é que todos os mercados serão transformados pela tecnologia”

Foi então que a Prospecta Obras contratou um profissional de TI para desenvolver soluções que permitissem que a captação, organização e entrega dos dados fosse digitalizada.

Hoje, a rede tem um setor de TI próprio com foco em Big Data, a ciência que analisa como obter, tratar, analisar e usar dados de forma estratégica.

É principalmente através da análise de dados que a Prospecta Obras acompanha de perto o desenvolvimento de mais de 600 mil obras em andamento no país. De acordo com o executivo, cerca de 70% dos projetos de construção civil em monitorados no país são acompanhados pela Prospecta Obras.

Obras de médio e grande porte geralmente precisam de aprovação das prefeituras, e elas são uma das principais fontes de captação de dados da Prospecta Obras.
Porém, reformas pequenas não costumam ser registradas nesses canais. Segundo Wanderson, por ano, o número desses reparos residenciais simples chega a 17 milhões, o que representa um excelente mercado para explorar.
Para atender também a esse nicho, a franqueadora criou o portal euconstruindo.com, voltado para quem vai fazer uma reforma e quer receber orçamentos de fornecedores.

Atualmente a Prospecta Obras ainda atua em algumas cidades menores com a captação manual, e mesmo os dados coletados de forma offline são integrados e tratados em um mesmo sistema, desenvolvido pela companhia.

Tecnologia e inovação além das ferramentas

A tecnologia, porém, não mudou apenas as ferramentas com as quais a Prospecta Obras pode contar, mas também as dinâmicas do mercado.

“Nós estamos crescendo porque atendemos uma tendência básica: o comerciante precisa oferecer mais opções para os seus clientes, precisa buscá-lo. Esperar apenas que o consumidor venha até ele não é mais uma alternativa”, define o empresário.

Wanderson também percebe que a tecnologia mudou a forma como as pessoas consomem e até o que elas esperam das empresas, em termos de resultados e atendimento.

Ele usa exemplos com o Uber e o Airbnb para apontar como novas plataformas e tecnologias mudaram a forma como vivemos e como interagimos como os prestadores de serviço.

“Se você pode apertar um botão no celular e chamar um taxi, ou reservar uma hospedagem com um clique, porque ele não iria querer essa praticidade na hora de orçar materiais para uma obra?”, reflete Wanderson.

“Se o formato de consumir mudou, então, claramente, você precisa mudar a forma de chegar até o seu cliente”

Pensando em ter processos mais rápidos, assertivos e organizados, a Prospecta Obras tem investido pesado em outras tecnologias, como geolocalização e CRM.

Mas talvez um dos destaques da organização em termos de evolução tecnológica seja a inteligência artificial. O sistema de inteligência artificial da Prospecta Obras analisa a base de dados e identifica as obras que podem ser mais interessantes para cada perfil de cliente que a franqueadora atende.

Dessa forma, a companhia eleva o seu nível de serviço e melhora os resultados de seus parceiros. Isso, sem dizer que a marca reforça seu posicionamento de empresa inovadora e que está desenvolvendo tecnologias que aumentam as vendas de seus clientes.

“Não basta ter a informação, é preciso saber como usá-la”

A Prospecta Obras também utiliza um esquema de gestão mais moderno. “Desconstruímos aquela ideia de que uma empresa bem-sucedida precisa ser grande e cheia de funcionários. Temo uma equipe enxuta, uma gestão horizontal e profissionais que têm funções diversificadas”, conta Wanderson.

A companhia também optou por centralizar e internalizar departamentos nas mãos de poucos profissionais. As áreas de marketing e de suporte, por exemplo, são operadas dentro da Prospecta Obras e com times compactos e altamente especializados.

“Com uma estrutura leve conseguimos crescer de uma forma mais sustentável”, finaliza.

A área com maior volume de profissionais é a de tecnologia, uma vez que eles atendem não só a Prospecta Obras, mas outros negócios e iniciativas que fazem parte do grupo, como a euconstruindo.com.
A companhia tem ainda um programa de desenvolvimento de profissionais da construção civil com formato de ensino à distância e uma outra empresa de realidade virtual.

Franquia Prospecta Obras

A Prospecta Obras iniciou sua expansão no franchising em 2013 como uma das mais inovadoras opções de franquias no mercado de construção civil.

O modelo de negócio pode ser operado em home-office, sendo que o recomendado é que o franqueado tenha um computador com acesso à internet (para fazer a prospecção digital) e um veículo para fazer visitas presenciais aos seus clientes.

Como não há necessidade de alugar um ponto comercial, comprar equipamentos e nem contratar funcionários, o custo de operação de uma franquia Prospecta Obras costuma ser baixo. Com isso, a lucratividade pode chegar à 80%.

Cada franqueado “compra” uma região para atuar ao adquirir a franquia, mas, de acordo com Wanderson, mais de metade deles obtêm tanto êxito no negócio que acaba comprando outra região alguns meses depois.

A rede busca investidores com perfil empreendedor, preferencialmente que já tenha conhecimento na área de construção civil ou imobiliária e tenha conhecimento da região em que atua, já que o networking é fundamental para a prospecção de novos clientes.

Trajetória do executivo e próximos passos

Wanderson começou a trabalhar com 13 anos em uma fábrica de artefatos de cimento, já na construção civil.

Algum tempo depois, passou a trabalhar em uma loja de móveis planejados, onde encontrou uma grande dificuldade: aumentar as vendas.

Ele, então, pensou em procurar quais eram os locais onde havia uma obra ou reforma que pudesse se interessar pelos produtos da loja, organizou os dados que levantou e compartilhou com os vendedores. Em pouco tempo, houve um aumento de mais de 300% nos negócios fechados.

Com o sucesso, Wanderson não teve dúvidas de que realmente havia muito espaço para explorar o mercado de construção civil e que a sua estratégia poderia ser efetiva para outras empresas.

Hoje, Wanderson conta que se vê como um “zelador”, sendo o primeiro a chegar e o último a sair da empresa. Ele supervisiona todos os departamentos da empresa, atende franqueados e parceiros e também avança com os planejamentos e estratégias da Prospecta Obras.

A expansão da Prospecta Obras está focada na abertura de novas franquias Norte, Nordeste e Centro-Oeste. Nestas regiões, a companhia espera abrir cerca de 15 unidade em 2020.

DEIXE UMA RESPOSTA