Em 2015, segundo dados da ABF – Associação Brasileira de Franchising –, o segmento de acessórios pessoais e calçados foi o que mais cresceu no país, alcançando 12% em relação ao ano anterior. Esse é mais do que um bom motivo para aqueles que querem investir em franquias apostar nesse setor.

“O aumento do poder médio do consumo do brasileiro fez com que o setor ficasse mais atrativo. As marcas que mais inovam se destacam, alcançando uma melhor performance no contexto econômico atual”, avalia Rodrigo Morgan, sócio da Loja de Franquia, da Anewton Franchising.

➥ Busca franquias de calçados? Confira nosso guia de franquias de acessórios (com valores de investimento)

Para que tenha ideia, o Brasil está entre os três maiores produtores mundiais de calçados, o que favorece o desenvolvimento do setor como um todo. Além disso, ele conta com marcas, como a Havaianas, por exemplo, que fazem sucesso internacionalmente, levando o nome e a produção nacional para outro patamar.

A inovação e o design, como na moda em geral, são pontos muito importantes para o sucesso nesse ramo. Diversas marcas completam o mix de suas lojas com itens como camisetas, bonés, bolsas, mochilas, lenços e etc. “Isso tudo contribui para o sucesso das marcas e dos franqueados”, avalia Morgan.

Considerando que o mercado também é supercompetitivo, vale um bom planejamento do calendário promocional para que ele seja implementado com sucesso ao longo do ano. “E, mais do que nunca, torna-se necessário o acompanhamento dos números e dos indicadores de performance para que eventuais ajustes de percurso sejam implementados no momento certo”, aconselha o especialista.

Existem, ainda, outros pontos que devem prender a atenção do franqueado de calçados: “o custo de ocupação é crucial para lojas de rua e, principalmente, de shopping. Por outro lado, com a crescente migração da venda para o canal online, torna-se necessário manter um nível de preços competitivo”, conta Morgan.

Com isso em mente, confira algumas opções de franquias de calçados com variadas faixas de investimento. Os dados são da ABF ou informados pela própria franqueadora:

1Arezzo

Marca especializada na comercialização de calçados e acessórios voltados para o público feminino, foi fundada em 1972 e começou o trabalho com franquias no mesmo ano. Hoje, está presente em cerca de 180 municípios e conta com mais de 360 unidades franqueadas.

Investimento total: de R$ 730 mil a R$ 1.510 milhão
Taxa de franquia: a partir de R$ 50 mil
Royalties: 38,74%
Faturamento médio mensal: R$ 150 mil
Prazo de retorno: de 36 a 60 meses

2Artwalk


Fundada em 2006, a Artwalk pertence ao Grupo Afeet, sendo focada em calçados de moda, casuais e sneakers. Disponibiliza ainda um mix complementar de camisetas, bonés, meias e mochilas. Entre as marcas comercializadas pela rede estão Nike, Adidas Originals, Vans, Converse, New Balance, Puma, Reebok, New Era, Jansport, Sprayground e Stance. Atualmente, possui 36 lojas distribuídas nos principais por sete estados brasileiros: São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Espírito Santo, Paraná, Bahia e Pernambuco.

Investimento total: R$ 674 mil
Taxa de franquia: R$ 50 mil
Royalties: 4%
Faturamento médio mensal: R$ 100 mil
Prazo de retorno: 28 meses

3Authentic Feet

Fundada em 1995, a loja atrai o público que quer malhar com muito estilo. Oferece um mix de produtos de grandes marcas como Nike, Adidas, Reebok, Mizuno, Asics, Skechers, Puma, Under Armour e Converse. Atualmente, está presente com mais de 80 unidades em São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Espírito Santo, Paraná, Rio Grande do Sul, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Distrito Federal, Goiás, Bahia e Pernambuco e possui ainda a loja virtual.

Investimento total: R$ 766 mil
Taxa de franquia: R$ 60 mil
Royalties: 4%
Faturamento médio mensal: R$ 155 mil
Prazo de retorno: 36 meses

4Bibi

Trabalha na fabricação de calçados infantis desde 1949 e exporta seus produtos e design para mais de 60 países. Em 2007 realizou um estudo para trazer a primeira franquia de loja exclusiva de calçado infantil para o Brasil. Hoje, são mais de 25 estados que possuem lojas Bibi. A marca conta com um mix de calçados e acessórios que atende crianças de zero a nove anos de idade.

Investimento total: R$ 430 mil
Taxa de franquia: R$ 40 mil
Royalties: não informado
Faturamento médio mensal: R$ 80 mil
Prazo de retorno: 18 a 36 meses

5Capodarte

Faz parte do grupo Paquetá, que nasceu em 1945 e hoje possui aproximadamente 12 mil colaboradores diretos, distribuidos pelo Brasil, Argentina e República Dominicana. A marca premium do grupo conta com mais de 50 operações pelo Brasil.

Investimento total: R$ 425 mil
Taxa de franquia: R$ 45 mil
Royalties: não informado
Fatutamento médio mensal: R$ 150 mil
Prazo de retorno: de 48 a 60 meses

6Clube Melissa

Especializada na produção e comercialização de calçados de plástico, a Melissa foi fundada em 1971. A marca, que faz parte do grupo Grendene, começou no franchising em 2008 e conta com mais de 170 unidades no Brasil. Os franqueados recebem treinamentos, consultoria e apoio de marketing.

Investimento total: de R$ 265 mil a R$ 495 mil
Taxa de franquia: R$ 45 mil
Royalties: não cobra
Faturamento médio mensal: R$ 150 mil
Prazo de retorno: de 24 a 48 meses

7Havaianas

Fundada em 1962, a Havaianas é uma marca brasileira e começou a expandir por franquias em 2008. Com foco na produção e venda de sandálias de borracha, a marca incluiu na sua linha de produtos outros calçados e roupas. Hoje, a Havaianas exporta seus produtos para mais de 80 países e contabiliza 386 unidades franqueadas no Brasil. Possui o modelo de loja e de quiosque.

Investimento total: de R$ 300 mil a R$ 845 mil
Taxa de franquia: R$ 45 mil
Royalties: não cobra
Faturamento médio mensal: não informado
Prazo de retorno: de 12 a 36 meses

8Jorge Bischoff

Carro-chefe do Bischoff Group, a grife de sapatos, bolsas e acessórios lançou seu projeto de franquias em 2009. Hoje, conta com mais de 60 lojas exclusivas em todas as regiões do Brasil, além da Boutique Online, o e-commerce oficial da grife.

Investimento total: não informado
Taxa de franquia: R$ 55 mil
Royalties: 30%
Faturamento médio mensal: R$ 170 mil
Prazo de retorno: de 24 a 48 meses

9Loucos&Santos

Criada em 2011, a marca tem sapatos, bolsas e acessórios femininos de vanguarda. Conta com uma rede de franquias com mais de 20 lojas exclusivas. Seu mix também é comercializado em 600 pontos de vendas multimarcas, em cerca de 50 países, em todos os continentes.

Investimento total: não informado
Taxa de franquia: R$ 40 mil
Royalties: 25%
Faturamento médio mensal: R$ 140 mil
Prazo de retorno: de 24 a 48 meses

10Magic Feet

Fundada em 2008, pelo Grupo Afeet, a Magic Feet é uma rede de lojas de calçados infantis e oferece diversos estilos para crianças de zero a dez anos de idade. Conta com produtos de marcas como Nike, adidas, Puma, Converse, Vans, Asics, Tip Toey Joey, Pampili, Skechers e Crocs.

Investimento total: R$ 569 mil
Taxa de franquia: R$ 50 mil
Royalties: 4%
Faturamento médio mensal: R$ 125 mil
Prazo de retorno: 36 meses

11Quiksilver

A marca de calçados, roupas e acessórios tem quatro modelos de negócio e a operação exige um capital de giro mínimo de 50 mil reais para as lojas menores e de 100 mil reais para as maiores.

Investimento inicial: de R$ 600 mil a R$ 350 mil
Taxa de franquia: R$ 35 mil
Royalties: 30% sobre as compras
Faturamento médio: de R$ 100 mil a R$ 210 mil
Prazo de retorno: de 24 a 36 meses

12Quinta Valentina

A Quinta Valentina é uma marca que trabalha com a comercialização de calçados femininos, seguindo um modelo de vendas personalizadas, no qual o franqueado leva os produtos até a cliente.

Investimento total: R$ 25 mil
Taxa de franquia: R$ 6 mil
Royalties: não cobra
Faturamento médio mensal: R$ 12 mil
Prazo de retorno: de 3 a 11 meses

13Samello

A marca de calçados masculinos tem mais de 85 anos de atividade, sendo que entrou no mundo de franchising nos anos 90. É reconhecida por seus calçados e acessórios de couro e vende, também, cintos, meias, carteiras, etc.

Investimento total: R$ 290 mil
Taxa de franquia: R$ 40 mil
Royalties: 7% sobre as compras da loja
Faturamento médio mensal: R$ 95 mil
Prazo de retorno: de 24 a 36 meses

14Santa Lolla

A marca nasceu em 2002 e, dois anos depois, abriu a primeira franquia Santa Lolla. Hoje, a marca de calçados e acessórios femininos está presente em 129 franquias espalhadas por todo o país e uma no Paraguai.

Investimento total: R$ 285 mil
Taxa de franquia: não informado
Royalties: não informado
Faturamento médio mensal: R$ 130 mil
Prazo de retorno: de 30 a 36 meses

15Side Walk

A marca, que comercializa calçados, vestuário e acessórios masculinos e femininos, fatura cerca de 80 milhões de reais por ano, contando com 23 lojas próprias e 17 franqueadas. Os modelos de franquia são flexíveis, sendo que o mais completo pode ser instalado em um espaço de 80m² e o mais compacto conta com um mix reduzido de produtos e precisa de apenas 50m².

Investimento total: de R$ 300 mil a R$ 500 mil
Taxa de franquia: R$ 50 mil
Royalties: 23% sobre o valor de compra dos produtos
Faturamento médio: R$ 100 mil
Prazo de retorno: de 24 a 36 meses

COMPARTILHE
Artigo anteriorEntenda como funcionam os royalties
Próximo artigoAlergoshop busca franqueados no sudeste do país
Graduada em jornalismo pela Faculdade Cásper Líbero e pós-graduanda em Gestão de Marketing pela Escola Superior de Propaganda e Marketing, sua paixão é escrever e tem curiosidade sobre os mais diversos temas. Já trabalhou em editorias de entretenimento, esportes, saúde, bem-estar, PME e gestão de carreiras.

3 COMENTÁRIOS

  1. queria saber qual o investimento na franquia quinta valentina calçados feminino o que e a taxa de franquia ?atenciosamente aguardo contatos .

DEIXE UMA RESPOSTA