Não há como negar: o café é uma das bebidas mais apreciadas pelo brasileiro. As franquias de cafeterias nadam em uma corrente positiva para investimento, no qual o cenário do franchising é promissor, além do país ser um dos maiores produtores e exportadores de café do mundo.

Na hora de fazer uma pausa para um cafezinho, as franquias de cafeterias são bastante atrativas pelo público, especialmente as que já são marcas reconhecidas no segmento e que oferecem um cardápio variado.

➥ Busca franquias de comidas para investir? Confira nosso guia de franquias de alimentação (com valores de investimento)

“Uma franquia de cafeteria, desde que bem estruturada, tem muito a oferecer em relação ao mercado, com produtos de necessidade diária e, em sua maioria, um mix variado com baixo custo e alto giro”, aponta Lucas Atanázio Vetorasso, diretor da Teaser Franchising.

Cenário de atuação das franquias de cafeterias

O consumo de café no Brasil é o primeiro ponto atrativo para quem pensa em investir em franquias de cafeterias.

No ano passado, o consumo de café cresceu de 3% a 3,5%, atingindo 22,9 milhões de sacas de 48 quilos, de acordo com a Euromonitor International. Em termos mais palpáveis, significa que, em média, cada brasileiro consumiu 839 xícaras de café. O país segue na liderança do ranking de maior consumidor da bebida no mundo desde 2014, considerando todas as categorias de café.

Ainda de acordo com a Euromonitor, o consumo de café torrado e moído predomina no mercado brasileiro, significando cerca de 80% da forma da bebida vendida no país. Em um cenário de cinco anos, a expectativa é que o consumo do café continue em alta, com cerca de 3% de crescimento todos os anos.

Mesmo diante das crises econômicas, o consumo de café pelos brasileiros não foi afetado, como informa a Associação Brasileira da Indústria de Café (ABIC). Com crescimento de 3,6% em 2017, o dobro do crescimento médio mundial, foram consumidas 771 mil sacas em 2017 a mais do que o registrado em 2016.

A ABIC também informa que o investimento no mercado também impulsiona o crescimento constante do consumo de uma das bebidas mais queridas pelos brasileiros. Novas alternativas de negócios, novidades em canais de distribuição, redes de franquias de cafeterias, são algumas das categorias em crescimento acelerado. Houve também mudanças no paladar dos consumidores que, atualmente, gostam de conhecer para além do simples cafezinho coado.

Para a Associação, os brasileiros estão mais exigentes com o café, conhecendo mais tipos e qualidades dos grãos e, ao mesmo tempo, também se mostram dispostos a pagar mais pelos produtos de sua preferência. Este novo movimento, é chamado pela Associação, de Terceira Onda do Café, no qual os brasileiros estão cada vez mais consumindo a bebida preparada de formas distintas, em casas especializadas na produção e venda do café, com valorização de produtos e novas marcas.

Como escolher franquias de cafeterias

Na hora de escolher uma rede para investir, as opções de franquias de cafeterias são muitas. Além de diversas marcas que atuam no franchising, é preciso decidir ainda o modelo de negócio ideal.

Nesse ramo, é comum encontrar modelos de franquias de loja, com espaços confortáveis e aconchegantes para receber os clientes. Modelos de franquias de quiosque também são frequentes e se mostram como uma boa alternativa para quem busca opções de baixo investimento. Há ainda as franquias store in store, como cafeterias que podem ser instaladas dentro de livrarias e outros estabelecimentos comerciais.

Para o diretor da Teaser Franchising, um bom planejamento é essencial para que o investidor possa aproveitar as potencialidades do negócio. Antes de tomar a decisão, é preciso avaliar com cuidado a proposta da franqueadora.

“Por que esta marca? O que me oferecem? O plano de negócios é realista e adaptável à minha região? Essas perguntas devem ser feitas. Valor de marca, posicionamento, estruturação, suporte e boa condição de trabalho devem ser levados em conta e não apenas o preço da franquia”, aconselha Lucas Vetorasso.

Na escolha da franqueadora, verifique ainda o que a marca lhe oferece. Esses “detalhes” podem ser os diferenciais para a boa performance da cafeteria.

“Escolha do ponto, em modelos como esse, é essencial para o sucesso do negócio. Deve ser analisado também o mix de produtos e markup oferecido pela franqueadora. Apesar de funcional, o mix enxuto, em alguns casos, atrapalha o faturamento da unidade”, ressalta o consultor.

A seguir, você confere algumas opções de franquias de cafeterias. Os dados de investimento são divulgados pela Associação Brasileira de Franchising (ABF) ou informados pelas empresas.

1Mara Mix

Com especialidade em máquinas de café, chocolate quente, cappuccino e outras bebidas quentes, a Mara Mix oferece modelos de negócio de baixo custo. Os franqueados podem atuar em home based, instalando as máquinas em pontos comerciais parceiros, como padarias e lojas de conveniência, por exemplo. Além disso, é possível atuar com micro cafeterias e no modelo de carrinho. Saiba mais sobre esta franquia.

Investimento total: R$ 29 mil a R$ 36 mil
Taxa de franquia: R$ 25 mil a R$ 32 mil
Royalties: fixo
Faturamento médio: acima de R$ 20 mil
Prazo de retorno: 10 a 18 meses

2Mr. Black

O Mr. Black Café tem como principal foco cafés especiais, oferecendo mais de 30 opções de receitas da bebida. O cardápio da marca também traz lanches como pão de queijo, quiches, bolos, empadas, pastéis, sobremesas, além de bebidas geladas. As franquias podem ser no modelo de quiosque, loja de rua e loja de shopping. Saiba mais sobre esta franquia.

Investimento inicial: R$ 180 mil a R$ 275 mil
Taxa de franquia: R$ 40 mil
Royalties: 5% do faturamento bruto
Faturamento médio: R$ 65 mil
Prazo de retorno: 24 a 36 meses

3Mr Fit

Especialista em alimentação saudável, a Mr Fit conta com um modelo de franquia de cafeteria. Além deste, a rede disponibiliza franquias de quiosque, delivery, loja de shopping, loja tradicional, gourmet e microfranquia home based. O cardápio conta com opções de sucos, vitaminas, açaí, wraps, sanduíches, sobremesas etc. Saiba mais sobre esta franquia.

Investimento total: R$ 12 mil a R$ 160 mil
Taxa de franquia: 0 a R$ 31 mil
Royalties: variável
Faturamento médio: R$ 4 mil a R$ 130 mil
Prazo de retorno: 3 a 36 meses

4Nação Verde

Entre os mais de 250 itens de fabricação própria da Nação Verde, a linha de cafés Almazen é um dos destaques. A marca conta com cafés provenientes de pequenos agricultores, desenvolvidos cuidadosamente com as melhores práticas de cultivo. A Almazen conta apenas com variedades single, e não trabalha com blend de café. A Nação Verde trabalha com sete modelos de negócio, incluindo formatos completos que contam com cafeteria, empório e lanchonete. Saiba mais sobre esta franquia.

Investimento total: a partir de R$ 75 mil
Taxa de franquia: R$ 35 mil a R$ 95 mil
Royalties: R$ 250 a R$ 1,5 mil (fixo)
Faturamento médio: R$ 25 mil a R$ 120 mil
Prazo de retorno: 24 a 48 meses

5Saboreateycafe

A marca investe em expansão por franquias desde o ano de fundação, em 2005. Atualmente, são oito unidades franqueadas especializadas na venda de chás e cafés especiais. A rede também oferece aos clientes cardápios para almoço e lanches, servidos a qualquer hora do dia. Aos franqueados, são oferecidos dois modelos de negócio: franquia de loja ou quiosque.

Investimento: R$ 38 mil a R$ 168 mil
Taxa de franquia: R$ 14 mil a R$ 48 mil
Royalties: 4% do faturamento bruto
Faturamento médio: R$ 60 mil
Prazo de retorno: de 10 a 30 meses

6Mineira Cafeteria

A fábrica foi fundada em 2006 e, no ano de 2017, foi transformada também em cafeteria com o objetivo inicial de atender distribuidores e público regional. Após testes com a unidade piloto, foi criada a marca Mineira Cafeteria, oferecendo aos clientes café gourmet, salgados, pão de queijo e tortas.

Investimento: R$ 88 mil a R$ 108 mil
Taxa de franquia: R$ 18 mil
Royalties: 1 salário mínimo
Faturamento médio: R$ 50 mil
Prazo de retorno: de 18 a 36 meses

7Sterna Café

No mercado desde 2015, a Sterna Café tem em seu cardápio, além de diferentes opções de bebidas quentes e geladas feitas à base de café, massas, refeições, saladas, sobremesas, sucos e outras bebidas. A franqueadora trabalha com franquias no formato de loja e quiosque.

Investimento total: R$ 120 mil a R$ 305 mil
Taxa de franquia: R$ 30 mil a R$ 40 mil
Royalties: 4% do faturamento total
Faturamento médio mensal: não informado
Prazo de retorno
: 24 a 36 meses

8Fran’s Café

Com mais de 45 anos de tradição, a Fran’s Café é uma rede de cafeterias com mais de 130 lojas ativas no Brasil. Além de diversas opções de café, o mix de produtos conta com outras bebidas quentes e geladas, salgados, sanduíches, refeições e sobremesas. São dois modelos de franquia disponíveis: station, o modelo mais compacto; e loja, formato mais completo da rede.

Investimento total: R$ 150 mil a R$ 300 mil
Taxa de franquia: R$ 59,2 mil
Royalties: 6%
Faturamento médio mensal: variável conforme o ponto
Prazo de retorno: 24 meses

9Liquori Caffè Gourmet

A Liquori Caffè Gourmet tem em seu mix de produtos uma série de opções de cafés expressos, com leite, bebidas de chocolate, bebidas especiais à base de café com e sem álcool. Além das bebidas, a marca oferece sanduíches, massas, salgados, doces e sopas.

Investimento total: R$ 150 mil a R$ 440 mil
Taxa de franquia: não informado
Royalties: variável
Faturamento médio mensal: R$ 70 mil
Prazo de retorno: 24 a 36 meses

10Sportix

Um dos modelos de negócio da Sportix é o Bike Café Sportix. O modelo é uma cafeteria temática, com cardápio especializado em alimentação saudável, além de contar com espaço de loja de bicicleta, vestuário e acessórios.

Investimento total: a partir de R$ 150 mil
Taxa de franquia: R$ 40 mil a R$ 60 mil
Royalties: 3,5% a 5% do faturamento bruto
Faturamento médio: R$ 30 mil a R$ 150 mil
Prazo de retorno: 36 a 48 meses

11Parmeggio Café

A Parmeggio Café tem em seu cardápio opções de cafés, tortas, salgados e doces. A marca lançou-se no franchising em 2014 e a taxa de franquia é menor para franqueados que pretendem abrir uma unidade no estado de São Paulo. Os dados correspondem à franquia de quiosque (de 10 metros quadrados).

Investimento total: R$ 165 mil a R$ 170 mil
Taxa de franquia: R$ 30 mil a R$ 35 mil
Royalties: 4% ou 6% do faturamento bruto
Faturamento médio mensal: não informado
Prazo de retorno: não informado

12Café Donuts

A Café Donuts é uma rede de cafeterias que trabalha com um menu de donuts, cafés, bebidas frias, doces, sanduíches e lanches. O franchising começou em 2004 e hoje a marca tem mais de 100 lojas franqueadas espalhadas pelo Brasil.

Investimento total: R$ 169 mil
Taxa de franquia: não informado
Royalties: 5% do faturamento bruto
Faturamento médio mensal: R$ 35 mil
Prazo de retorno: 24 a 36 meses

13Grão Espresso

A Grão Espresso tem o café como especialidade, incluindo no cardápio também opções de cappuccinos, mate, bebidas frias, sanduíches, doces e salgados. A franqueadora oferece modelos de negócio em lojas ou quiosques. São mais de 260 unidades franqueadas no Brasil desde o início da franquia, em 1994.

Investimento total: R$ 170 mil a R$ 260 mil
Taxa de franquia: não informado
Royalties: 5% do faturamento bruto
Faturamento médio mensal: R$ 45 mil
Prazo de retorno: 24 a 36 meses

14Suplicy Cafés Especiais

A Suplicy Cafés Especiais é uma rede especializada em cafés finos, trabalhando com vários tipos de grãos selecionados, e que tem a preocupação de valorizar a profissão de barista. A marca, fundada em 2003, lançou-se no mercado de franquias em 2012.

Investimento total: R$ 170 mil a R$ 385 mil
Taxa de franquia: não informado
Royalties: 5% do faturamento bruto
Faturamento médio mensal: R$ 60 mil a R$ 80 mil
Prazo de retorno: 24 a 48 meses

15Megamatte

Somando mais de 100 unidades franqueadas desde 2005, a Megamatte é uma rede que se posiciona no conceito de alimentação saudável. Além das opções de bebidas à base de café, a marca comercializa doces, salgados, sanduíches, mate e sucos naturais. São três modelos de negócio: lojas, quiosques e unidades móveis.

Investimento total: R$ 197 mil a R$ 319 mil
Taxa de franquia: R$ 22,9 mil a R$ 35 mil
Royalties: 4% do faturamento
Faturamento médio mensal: R$ 45 mil a R$ 75 mil
Prazo de retorno: 24 a 36 meses

16California Coffee

Fundada em 2002, a California Coffee investe em expansão por franchising no Brasil desde 2005. Atualmente, são 40 unidades franqueadas especializadas na venda de cafés refinados. A marca realiza torrefação dos grãos, que segue padronagem europeia. Os franqueados encontram modelo de franquia de loja para investimento.

Investimento: R$ 200 mil a R$ 300 mil
Taxa de franquia: R$ 50 mil
Royalties: 6% do faturamento bruto
Faturamento médio: R$ 80 mil
Prazo de retorno: de 18 a 24 meses

17Mate.com

Fundada em 2007 em Balneário Camboriú (SC), a Mate.com. A marca expandiu por franchising em 2015 e, nas diversas unidades franqueadas, os clientes encontram bebidas à base de chá mate, sucos, vitaminas , cafés, calzones assados, pães de queijo, saladas de frutas e açaí.

Investimento: R$ 220 mil
Taxa de franquia: R$ 25 mil
Royalties: não informado
Faturamento médio: R$ 70 mil
Prazo de retorno: R$ 36 meses

18Rei do Mate

A Rei do Mate trabalha especialmente com a venda de bebidas à base de café e de mate, quentes e frias. O cardápio tem ainda opções de salgados, doces, açaís e sucos. A rede conta com mais de 300 unidades franqueadas em funcionamento no país.

Investimento total: R$ 250 mil a R$ 480 mil
Taxa de franquia: R$ 20 mil a R$ 29,5 mil
Royalties: 4% do faturamento bruto
Faturamento médio mensal: não informado
Prazo de retorno: 30 a 48 meses

19Café Hum

A rede foi fundada há mais de 20 anos, oferecendo aos clientes opções de drinks com cafés e blends especiais. A marca trabalha com opções de lanches diferenciadas, com bolos, tortas e outras sobremesas.

Investimento: R$ 250 mil
Taxa de franquia: R$ 50 mil
Royalties: não informado
Faturamento médio: não informado
Prazo de retorno: 18 meses

20Casa do Pão de Queijo

Com mais de 350 unidades franqueadas no Brasil, a Casa do Pão de Queijo é uma rede que atua no mercado de franchising desde 1987. O mix de produtos inclui opções de cafés e outras bebidas quentes, bebidas frias, lanches salgados e doces.

Investimento total: R$ 250 mil a R$ 875 mil
Taxa de franquia: não informado
Royalties: 3% do faturamento bruto ou das vendas brutas
Faturamento médio mensal: não informado
Prazo de retorno: 24 a 40 meses

21Café Moinho

O cardápio da Café Moinho é composto por opções de cafés expressos, cappuccinos, bebidas de chocolate, bebidas especiais quentes e geladas, sucos, salgados e sobremesas. A rede está presente principalmente no estado de São Paulo.

Investimento total: R$ 250 mil
Taxa de franquia: não informado
Royalties: 4% do faturamento bruto
Faturamento médio mensal: R$ 50 mil
Prazo de retorno: 24 a 36 meses

22Café do Ponto

A Café do Ponto é uma empresa que trabalha com o cultivo e a comercialização de uma série de produtos à base de café. Na rede de cafeterias, o cardápio conta com diferentes tipos de expressos, bebidas quentes e geladas, cappuccinos e cafés aromatizados.

Investimento total: R$ 275 mil a R$ 560 mil
Taxa de franquia: não informado
Royalties: 4% do faturamento bruto
Faturamento médio mensal: R$ 60 mil a R$ 70 mil
Prazo de retorno: 324 a 36 meses

23Casa Pilão

A Pilão é uma marca tradicional no mercado brasileiro de cafés, fundada em 1978. A empresa tem uma linha de produtos variados à base de café e na rede de cafeterias Casa Pilão trabalha com um cardápio de bebidas e cafés de sua produção.

Investimento total: R$ 280 mil a R$ 560 mil
Taxa de franquia: não informado
Royalties: 4% do faturamento bruto
Faturamento médio mensal: R$ 60 mil a R$ 70 mil
Prazo de retorno: 24 a 36 meses

24Café do Feirante

A Café do Feirante oferece modelos em quiosques ou lojas de rua ou de shopping e tem 25 unidades franqueadas em funcionamento no país. O cardápio inclui opções de bebidas quentes e geladas, lanches, pães, salgados, sobremesas e uma linha de alimentos saudáveis.

Investimento total: R$ 290 mil a R$ 345 mil
Taxa de franquia: não informado
Royalties: variável
Faturamento médio mensal: não informado
Prazo de retorno: 24 a 36 meses

* Dados das franquias atualizados em 15/01/2019.

14 COMENTÁRIOS

  1. Muito bom,agradeco achei mais coisas que procurava e bem explicativo,belo trabalho continue sempre fazendo o seu melhor,abracos.

  2. Bom Dia, preciso de ajuda será que podemos conversar (video conferencia) pelo skype, whatsapp, facetime espero um retorno

  3. tenho uma sala no único prédio comercial da cidade de são vivente sp com 420 salas,gostaria de colocar uma loja de café, o publico alvo serão os que trabalham no prédio.

    • Oi, Laura. Isso vai depender bastante da marca, que vai analisar a viabilidade do negócio conforme seus próprios critérios. O ideal é entrar em contato com as franquias em que você tem interesse e esclarecer suas dúvidas. Boa sorte!

DEIXE UMA RESPOSTA