Com baixo custo de investimento e proposta de rápido retorno, a Crazy Cereal estreia no franchising brasileiro oferecendo, ao segmento de alimentação, diferenciais para quem é fã de açaí. As unidades disponibilizam aos clientes diferentes tipos de cereais, cremes especiais como de tapioca com coco, paçoca, avelã, leites, entre outras combinações, para serem adicionadas aos cremes de açaí tradicional e açaí zero.

Por meio de nota enviada pela assessoria da marca, o sócio e fundador, Pedro Haydn, explica que a proposta da Crazy Cereal é de inovar a forma com que se consome açaí no país.

“A Crazy Cereal surgiu de uma maneira de que queríamos oferecer para o brasileiro aquilo que ele ainda não tinha. Identificamos que já existiam diversas lojas de açaí pelo território brasileiro, mas nenhuma apresentava o diferencial. Com algumas pesquisas, percebemos que o público gosta bastante de cereal e que desejavam fazer novas misturas. Com tudo isso, vimos a possibilidade de criar um novo negócio que pudesse agradar a todos e não perdemos a oportunidade”, comenta Haydn.

O mercado de açaí se apresenta como uma tendência, com boas expectativas para quem investe e também para quem consome. Em constante crescimento nos últimos anos, o setor tem ótimas opções de modelos de investimento para venda do creme, que alia alimentação saudável, opções self service, além de apostar na autonomia dos clientes para montarem o próprio bowl ou tigela de açaí com os toppings que desejarem.

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) desenvolveu uma pesquisa sobre a produção nacional de açaí e, só em 2016, foram produzidos mais de 1 milhão de toneladas do fruto. O extrativismo e a comercialização de frutos como o açaí movimenta mais de 40 milhões de reais todos os anos no Brasil.

Com o slogan “divertido é criar do seu jeito!“, as unidades da Crazy Cereal têm como foco o público jovem e adulto, que encontrará diversas opções para montagem dos bowls de açaí. Os clientes encontram cereais nacionais e importados, cookies, cascata de chocolate, cafés com borda de Nutella, entre outras opções de incrementos.

As unidades de franquias apresentam baixo custo de investimento e rápido retorno e, atualmente, a marca conta com duas unidades na cidade de São Paulo.

Os franqueados encontram suporte completo, com acesso a manual de operação. Cada unidade deve contar com, no máximo, dois funcionários para o dia a dia da franquia, que pode ser instalada em modelo de loja ou de quiosque para shopping.

Investimento inicial: R$ 79,9 mil
Taxa de franquia: não informado
Royalties: 6% ou R$ 1 mil
Faturamento médio: R$ 25 mil
Prazo de retorno: 17 meses

DEIXE UMA RESPOSTA