11 franquias de games para você conhecer

0
15607
franquias de games

As franquias de games podem ser uma excelente escolha para quem quer abrir um negócio!

As redes do setor atraem públicos de diversas idades (desde crianças até adultos) com produtos e serviços acessíveis no setor de entretenimento e lazer.

Já os franqueados encontram modelos de negócio atrativos, com gestão simplificada e alto potencial de lucratividade.

Quer investir no segmento? Confira a seguir opções de franquias de games e continue lendo para saber mais sobre esse mercado!

1

MK+ Academy

franquia mk academy 02

A MK+ Academy é uma empresa brasiliense que nasceu em 2018 para inovar o setor de desenvolvimento de games, oferecendo cursos exclusivos e revolucionários no segmento. O investimento inicial mínimo é de R$ 89 mil e máximo de R$ 199 mil. Payback de investimento entre 12 e 15 meses. Faturamento médio mensal de R$ 150 mil e taxa de lucro média entre 35% e 50%.

Investimento: R$ 89.000 até R$ 199.000
Faturamento: R$ 150.000
Prazo de Retorno: 12 até 15 meses
2

Hyperbox

franquia hyperbox 1

A Hyperbox é uma rede de franquias especialista em games e experiências imersivas. Com uma unidade própria e outras quatro franqueadas, a rede aposta em expansão por franchising e oferece aos empreendedores dois formatos de negócio: quiosque para shopping e loja. Os serviços da rede apresentam ticket médio atrativo para a maioria dos frequentadores dos shoppings, o que garante destaque à Hyperbox no mercado.

Investimento: R$ 99.990 até R$ 149.990
Faturamento: R$ 30.000
Prazo de Retorno: 12 até 16 meses
3

Dibinká

franquia-dibinka

Fundado em 2007, o espaço de entretenimento oferece serviços de cuidado de crianças enquanto os pais estão em seus compromissos. Além disso, a empresa permite que festas infantis sejam realizadas no local. Passou a ter franquias em 2013 e conta com uma infinidade de jogos.

Investimento: R$ 250.000 até R$ 3.000.000
Faturamento: R$ 45.000
Prazo de Retorno: 24 meses
4

Escape 60

franquia-escape-60

O Escape 60 é uma rede de franquias de entretenimento especializada em salas de jogos presenciais. O objetivo dos participantes é desvendar o enigma do jogo em um tempo total de até 60 minutos para então sair da sala. Para abrir uma unidade, o investimento parte de 400 mil reais e a lucratividade estimada fica entre 10% e 30%.

Investimento: R$ 600.000
Faturamento: Variável
Prazo de Retorno: 18 meses
5

Lends Club

franquia lends club

A Lends Club é uma tabuleiria: um espaço de reúne bar, café e jogos de tabuleiro. A rede oferece várias opções de jogos e livros de RPG, além de drinks temáticos, chopes e cafés. As unidades contam com funcionários treinados para ensinar as regras dos jogos aos clientes, que podem optar por planos mensais ou pagamentos avulsos para jogar.

Investimento: R$ 25.000 até R$ 132.000
Faturamento: R$ 5.000 a R$ 37.000
Prazo de Retorno: 18 até 24 meses
6

Arcade XP

franquia-arcade-xp

Fundada em 2017, reúne novidades do mercado de games e experiências em realidade virtual. São mais de 100 opções de jogos em categorias como aventura, luta, estratégia, lúdicos, terror e futebol.

Investimento: R$ 99.900
Faturamento: R$ 40.000
Prazo de Retorno: 12 até 24 meses
7

Desbravadores

franquia desbravadores

A Desbravadores surgiu no mercado brasileiro em 2016 com a proposta de oferecer aos clientes modalidades de esporte que aliam diversão e competitividade. Com investimento inicial a partir de 50 mil reais, a marca um faturamento médio de 25 mil reais por mês.

Investimento: R$ 65.000 até R$ 100.000
Faturamento: R$ 30.800 a R$ 41.850
Prazo de Retorno: 14 meses
8

SuperGeeks

franquia supergeeks

A Super Geeks é uma rede de escolas de programação e robótica para crianças. Os cursos trabalham conhecimentos como desenvolvimento de games, realidade virtual e aumentada, inteligência artificial etc. A rede trabalha com modelos de franquia que vão desde escolas tradicionais até unidades instaladas dentro de outras escolas e franquias home based com foco em cursos online.

Investimento: R$ 9.000 até R$ 200.000
Faturamento: a partir de R$ 20.000
Prazo de Retorno: 12 até 36 meses
9

GEmotion

franquia-gemotion

Lançada em 2017, a GEmotion surgiu no mercado brasileiro investindo em inovação no ramo de entretenimento. Com a experiência de jogos em realidade virtual, a marca oferece a possibilidade de adentrar em diferentes mundos sem sair da poltrona. O investimento na franquia é de R$100 mil, com rápido retorno e alta rentabilidade.

Investimento: R$ 100.000
Faturamento: R$ 35.000
Prazo de Retorno: 4 até 7 meses
10

YouPlay

franquia youplay principal

A YouPlay oferece serviços de recreação e desenvolvimento infantil. São diversas atividades desenvolvidas para que as crianças possam brincar e aprender. As franquias da marca são no modelo de loja e podem ser instaladas em pontos de rua ou dentro de shopping centers. A franqueadora disponibiliza três modelos de franquia: Clube, Mundo e Cars.

Investimento: R$ 60.000 até R$ 450.000
Faturamento: R$ 21.000 a R$ 200.000
Prazo de Retorno: 12 até 30 meses
11

Clube da Criança

franquia-clube-da-crianca

O Clube da Criança é uma rede de espaços recreativos desenvolvidos especialmente para crianças. As unidades contam com brinquedos, vídeo games, jogos, livros, teatro de fantoches e outros recursos para divertir o público infantil com segurança. Os espaços também podem ser contratados para realização de festas infantis.

Investimento: R$ 250.000 até R$ 475.000
Faturamento: Não informado
Prazo de Retorno: 24 até 36 meses

➥ Busca franquias de games? Confira nosso guia de franquias de brinquedos e diversão

Nos dias de hoje, muita gente tem procurado empreender. Nesse sentido, abrir uma franquia se torna uma opção atrativa: os riscos do negócio são minimizados, já que o franqueado tem acesso a todo know how da franqueadora. Dentre os segmentos possíveis no franchising – e que está em alta no Brasil e no mundo – estão as franquias de games, mercado em plena expansão.

De acordo com informações do Global Games Market Report 2019, estudo da Newzoo sobre o mercado internacional de jogos eletrônicos, em 2019 o Brasil ficou em 2º lugar no ranking de empresas que mais geram receita no setor na América Latina.

No Brasil, a receita do mercado de games chegou a US$ 1,6 bilhões. O país fica atrás apenas do México, que movimentou US$ 1,8 bilhões em 2019.

Para que tenha ideia, em todo o mundo o mercado de games movimentou US$ 152 bilhões em 2019. Na América Latina, essa receita chegou a US$ 5,6 bilhões, número que representa uma alta de 11,1% em comparação com os resultados de 2018.

Já o mercado de arcades de realidade virtual pode chegar ao patamar de US$ 45 bilhões até 2025, segundo a Grand View Research.

Investindo em franquias de games

Games são atrativos por natureza e o público que consome esse tipo de produto é um público fiel e apaixonado, que busca novas experiências sempre.

“Com o avanço das gerações, nos encontramos num mercado cada vez maior, não apenas devido à grande evolução que os games passam, mas também devido ao fato de que não apenas crianças e adolescentes fazem uso desse meio de entretenimento, como também os adultos, que já trazem consigo tal hábito desde a infância”, avalia Carlos Diego Oliveira, CEO da GO2 Franquias.

Além disso, trabalhar nessa área é uma ótima oportunidade para os apaixonados pelos jogos e pela tecnologia.

Mas, fique ligado, pois é preciso estar atento à gestão do empreendimento para se ter sucesso. “Cuidado com o marketing, esteja à frente quanto aos lançamentos e trabalhe fortemente na fidelização dos clientes”, aconselha Oliveira.

Lembre-se que esse mercado se caracteriza pela constante evolução e inovação. Por isso, é preciso acompanhar as agendas de lançamentos das grandes indústrias de games e informar, com antecedência, através dos canais de relacionamento com seu clientes essas novidades.

Oliveira destaca:

“Hoje as grandes novidades no mercado brasileiro são lançadas simultaneamente com os Estados Unidos e com legenda em português. Isso mostra por que o mercado brasileiro de games é tão fértil e poderoso.”

No entanto, esse ainda é um mercado com preços elevados para o consumidor final, principalmente quando falamos em realidade virtual.

“O valor investido para ter um kit completo para jogar ainda é alto e o espaço físico necessário para algumas experiências varia de seis a 25 metros quadrados”, conta Marcus Rosier, head de franquias da VR Gamer.

Desse modo, o modelo de negócio de lojas de arcade tem sido apontado internacionalmente como o formato mais viável para se explorar os games em VR nos dias de hoje. “Isso porque ele permite que o entretenimento em realidade virtual se torne acessível a todos os brasileiros em todos os lugares. O próprio varejo já enxerga essa tendência com arcades em shopping centers”, diz Rosier.

Outro ponto para ficar atento é o mercado paralelo da pirataria. Essa atividade sempre causa dores de cabeça, mas neste segmento pode ser um desafio ainda maior. Por isso, para investir em franquias de games o franqueado deve confiar em seu franqueador e acompanhar as tendências indicadas por ele.

Assim, antes mesmo de o negócio iniciar é importante fazer uma pesquisa de mercado na região onde pretende atuar, considerando também o mercado clandestino. “Estar com seu negócio sempre presente na internet, pelas redes sociais, blogs e sites que tenham conteúdo do gênero é outro ponto importante”, finaliza Oliveira.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui