10 ideias de negócio com pouco investimento

1
3007
abrir um negocio pouco dinheiro
abrir um negocio pouco dinheiro

Para quem está buscando inspirações para abrir um negócio mas o dinheiro é curto, saiba que no universo do empreendedorismo, vale mais um pitada de criatividade e boas porções de preparação. Há muitas oportunidades para começar um negócio com pouco investimento!

A abertura de um negócio com pouco investimento pode começar, por exemplo, de dentro de casa. Utilizar o espaço externo da casa, um cômodo, ou readaptar algum ambiente, são algumas das alternativas para começar um negócio mesmo com capital limitado.

Está em busca de inspiração para empreender? Nesta matéria, você encontra dicas e ideias para abrir um negócio com pouco investimento. Boa leitura!

Como se preparar para empreender

Apostar em um empreendimento que necessita de pouco dinheiro pode até ser um ponto positivo, principalmente para os empreendedores de primeira viagem.

Antes de alçar vôos maiores no campo do empreendedorismo, abrir um negócio com pouco investimento pode significar menor risco. Ou seja, caso o empreendimento não dê o retorno esperado, o prejuízo do dinheiro investido não será tão alto assim.

E saiba que o sonho de ter o próprio negócio é compartilhado em todo o mundo, inclusive, por muitos brasileiros. Em uma pesquisa encomendada pela Herbalife Nutrition e desenvolvida pela OnePoll, a proposta era entender por que as pessoas decidem apostar no empreendedorismo. Para isso, foram estudadas populações de diferentes países, entre eles o Brasil.

Ao todo, foram entrevistadas 23,5 mil pessoas de 24 nacionalidades diferentes. Foram apresentados questionários para entender as motivações para investir no empreendedorismo e as eventuais dificuldades enfrentadas nos diferentes países.

A partir disso, foram analisadas as respostas de mil brasileiros. Os pesquisadores pediram para que os entrevistados apontassem as motivações que mais se identificassem e que justificariam o desejo de apostar no empreendedorismo.

Para os brasileiros, a principal motivação de ter um negócio próprio é a possibilidade de ter um horário de trabalho mais flexível, resposta que foi escolhida por 64% dos entrevistados. Em segundo lugar, está a possibilidade de ser o próprio chefe, apontada por 63%, seguido por desejo de aumentar a renda (54%), e ser mais feliz profissionalmente (51%).

Já os principais desafios apontados são os altos custos que, geralmente, os empreendimentos requerem (69%); seguido por insegurança de como iniciar o negócio (29%); falta de informação e de preparo para atuar no mercado (27%); preocupação se o negócio será bem sucedido e receio de apostar em um empreendimento que não será lucrativo (22%).

Independente das motivações para empreender, um capital reduzido não significa que a preparação deve ser deixada de lado. Abrir um negócio com pouco investimento também requer um planejamento cuidadoso.

Seguindo um plano de negócio, é possível identificar os riscos e estruturar as melhores estratégias de atuação no mercado. Quais produtos serão vendidos, para qual o público, quanto é necessário investir, quais são os concorrentes e metas de retorno de investimento e faturamento, são algumas das perguntas que devem ser respondidas por você.

Para ajudar, o Sebrae organizou um guia que ensina qualquer empreendedor a fazer um plano de negócio. E por que este tipo de planejamento é tão importante? Este projeto funciona como um norte para a trajetória de todo empreendimento, até mesmo para quem vai abrir um negócio com pouco investimento.

No material do Sebrae, estão explicações completas sobre todas as variáveis que envolvem um plano de negócio:

  • Análise de mercado;
  • Planejamento de marketing;
  • Planejamento operacional;
  • Planejamento financeiro.

Seguindo o planejamento, qualquer ideia para abrir um negócio com pouco dinheiro tem tudo para dar certo.

10 ideias de negócio com pouco investimento

A seguir, separamos algumas ideias para quem tem vontade de empreender mas tem pouco capital disponível.

Chocolates e doces artesanais

negocio com pouco dinheiro brigadeiro

A venda de chocolates e outros doces artesanais são muito bem recebidos por quem procura ideias de presentes para datas comemorativas: Páscoa, Dia das Mães, Dia dos Pais, Dia dos Namorados, Natal e Ano Novo.

Mas as vendas não param por aí. Ao longo de todo o ano, estes doces são ótimos presentes para aniversários, casamentos, formatura, e outras comemorações.

Dentro do nicho de chocolates artesanais, algumas ideias fogem dos tradicionais docinhos para festas (que também podem ser vendidos): trufas, bombons, pães de mel, palha italiana, chocolates recheados, entre outras opções.

Para as datas sazonais e comemorativas, o melhor pedido é vender os chocolates artesanais em cestas e caixas decoradas, de acordo com o gosto do cliente.

Doces no pote

doce no pote ideias negocio

Além dos tradicionais chocolates e doces, é interessante apostar na venda de sobremesas investindo, também, na embalagem em que serão vendidas. Os doces no pote são boas opções de sobremesa, por virem em porções individuais.

Outro atrativo é que esses doces podem ser feitos em sabores bem diferentes. O principal diferencial dos doces no pote são as camadas e, quanto mais variadas as opções, melhor: torta holandesa, pavê, torta de limão, mousse de chocolate, bolo de morango com leite ninho, bolo de prestígio.

Bolos decorados

bolo decorado abrir negocio

Antes de começar a vender os bolos decorados, é importante testar as receitas e entender qual deve ser sua dinâmica de produção: anote os ingredientes utilizados em cada preparo, tempo de produção, quanto de dinheiro foi gasto. Não esqueça de tirar fotos do resultados!

O ideal é começar as vendas com poucas opções de bolos decorados. Assim, você consegue dedicar mais tempo para que os produtos sejam bem feitos porque, geralmente, os clientes escolhem este tipo de produto para datas comemorativas. Por isso, apostar na qualidade do que será entregue conquista os clientes e consolida o empreendimento.

Uma ideia para divulgar as vendas dos bolos decorados é fazer algumas receitas, cortar os bolos e colocar as fatias em caixinhas bem decoradas. Junto da sobremesa, envie uma mensagem de que está aceitando encomendas. Para facilitar a comunicação, disponibilize um número com Whatsapp e crie um perfil nas redes sociais.

O Instagram, por exemplo, funciona muito bem com a postagem de fotos dos produtos feitos, além de ser possível divulgar alguns detalhes dos bastidores das produções na opção dos stories. Assim, além do produto final, os clientes ficam sabendo como é feita a produção das encomendas.

Venda de marmitas

marmita abrir negocio

Começar a preparar refeições e lanches para vender é uma das formas mais baratas de começar a ganhar dinheiro e, também, uma das mais tradicionais.

Por exemplo, de dentro da própria casa, é possível começar a administrar um negócio de vendas de marmitas ou de lanches – e as vendas podem ser intensificadas se houver a possibilidade de fazer as entregas dos pedidos.

Uma estratégia que pode ajudar com que você se diferencie no mercado de alimentação, é apostar em um nicho: alimentação saudável, vegetariano, vegano, refeições sem lactose. Além das opções tradicionais, investir em uma ou mais opções que agradem esses nichos do mercado pode ajudar com que o seu negócio conquiste mais paladares.

Presentes personalizados

presente personalizado abrir negocio

A venda de presentes personalizados também pega carona nas datas sazonais e momentos comemorativos. A proposta é deixar a criatividade ditar as regras dos produtos, que podem ser separados por cômodos da casa, como mimos para o quarto, banheiro e cozinha.

Você pode contar com um estoque de ideias de presentes diferenciados, para as vendas do ano todo, além de aceitar encomendas de presentes personalizados.

Aliando a criatividade com o artesanato, é possível oferecer para os clientes canecas decoradas, kits de papelaria personalizados (agenda, caderno, bloquinho de anotações, lápis e caneta), diários com capas e folhas personalizadas, kits de dia das mães, dia dos pais e dia dos namorados.

Brechó

ideia abrir brecho

A proposta dos brechós é simples: vender roupas e acessórios que estejam em bom estado. Estes produtos estão guardados nos armários de muita gente e, por estarem guardadas, muitas peças representam o estilo de uma época. Por isso, os brechós são procurados tanto por pessoas que buscam comprar roupas por um preço mais em conta, quanto por clientes que desejam comprar peças vintage, vendidas a um bom preço.

O ponto positivo de abrir um brechó é que, no início, as vendas podem ser feitas de dentro de casa. Em um cômodo, organize um espaço para expor os produtos. Para começar a estruturar o estoque, você pode começar comprando peças a baixo custo e que estejam em bom estado. Parentes, vizinhos e amigos podem começar colaborando com este estoque.

Além das peças de roupa, sapatos, óculos, relógios, bolsas, mochilas, cachecóis, lenços e outros acessórios também podem ser vendidos no brechó. Tudo deve ser lavado e, se necessitar, passar por algum processo de conserto: ajustar um botão que está solto, uma bainha que precisa ser feita, o conserto de uma alça de blusa, por exemplo.

Outra alternativa para movimentar o estoque e, de quebra, conquistar novos clientes, é comprar roupas de quem já é seu cliente. Ao comprar peças, calçados e acessórios por um valor mais em conta, as vendas devem ser feitas por um valor que gere um lucro.

Assim, há um maior envolvimento da comunidade e as relações com os clientes começam a ser fortalecidas. Para divulgar que o seu brechó está vendendo e comprando peças, as redes sociais são uma ótima ferramenta.

Artesanato

abrir um negocio artesanato

As datas comemorativas são ótimos momentos para turbinar a produção e divulgar as ideias de presentes feitos de forma artesanal. Além disso, com vendas abertas durante todo o ano, a produção de artesanatos possibilita que os clientes personalizem os pedidos, escolhendo as cores e medidas dos produtos.

Independente da época do ano, fazer artesanato para vender é uma das formas criativas para abrir um negócio com pouco investimento.

Para conquistar os clientes, a ideia é apostar nos nichos e sair do tradicional: até os bichinhos de estimação podem ganhar um artesanato de presente. É possível fazer brinquedos de artesanato para as crianças, como brinquedos de tecido (bonecas, bolas, bichinhos de pelúcia) e brinquedos de madeira que estimulam o raciocínio lógico.

Os bichinhos de estimação, por exemplo, podem ganhar camas, almofadas e tapetes artesanais. As coleiras personalizadas também são uma opção, junto de pingentes de identificação dos pets.

Para decoração das casas, algumas ideias são a produção de vasos de plantas, cachepot, canecas, pratos e copos personalizados, quadros, porta canetas, luminárias.

Máscaras de proteção artesanais

mascara artesanal negocio

Em tempos de pandemia do novo coronavírus, uma alternativa para complementar as vendas dos artesanatos é apostar na produção de máscaras de proteção.

As máscaras estão sendo recomendadas pela Organização Mundial de Saúde (OMS) e pelo Ministério da Saúde, como mais um instrumento que auxilia a frear a disseminação da Covid-19.

As máscaras de proteção artesanais podem ser feitas com tecido de algodão, tricoline ou TNT, e devem ser higienizados antes da produção. Durante a confecção, também utilize máscara de proteção para evitar que os produtos sejam infectados.

O modelo das máscaras deve ser feito com duas camadas de tecido, o que fortalece a proteção. Os moldes devem ser feitos para que os produtos cubram toda a boca e o nariz.

Ao realizar uma venda, oriente os clientes que as máscaras têm efeito de proteção entre duas a três horas. Após este período, o tecido começa a ficar úmido por conta da respiração e das gotículas de saliva, e o nível de proteção diminui consideravelmente.

Ao chegar em casa, os clientes devem fazer a higienização das máscaras com água sanitária ou sabão, deixando de molho por cerca de 30 minutos. Após este tempo, a máscara deve ser enxaguada com água corrente. Depois de secar, é recomendável passar a máscara com um ferro quente e guardá-la em sacos de plástico limpos.

Serviços de beleza

serviços de beleza abrir negociio

Para quem tem habilidades nos cuidados com os cabelos, as unhas ou em fazer maquiagem, começar a oferecer serviços de beleza pode ser uma ideia para abrir um negócio com pouco dinheiro. Os serviços podem ser oferecidos de dentro da própria casa, em um cômodo que pode ser adaptado para receber os clientes.

Para começar, a agenda de atendimentos podem ser organizada de acordo com as demandas dos clientes. Quando o empreendimento começar a se estruturar, é interessante organizar alguns dias da semana para que alguns serviços de beleza sejam feitos a preços promocionais: sexta-feira o dia da hidratação no cabelo; sábado o dia da manicure etc.

Se você tiver algum amigo que tenha habilidades com os cabelos, sobrancelhas, como manicure ou maquiador, também é interessante chamar para somar esforços no empreendimento.

Loja virtual

loja virtual abrir um negocio

A internet, além de ferramenta de comunicação, pode ser utilizada como ambiente para abrir um negócio com pouco investimento. As redes sociais podem ser o primeiro passo para anunciar produtos, interagir com os seguidores e fazê-los se tornar possíveis clientes. Mas, para quem deseja potencializar as vendas, planejar uma loja virtual pode ajudar bastante.

As plataformas de e-commerce, além de possibilitarem que os usuários entre em contato com os produtos através de fotos, vídeos e descrições, também realizam as vendas. Muitas plataformas para este fim, como Wix e NuvemShop, apresentam layouts prontos, para tornar ainda mais fácil o processo de montagem de uma loja virtual.

Além disso, você escolhe as formas de pagamento dos produtos. Com uma maior possibilidade, você aumenta, também, as facilidades de compra e atrai diferentes perfis de consumidores: pagamento via cartão de crédito, boleto, cartão de débito, PayPal, transferência bancária.

Franquias home office

franquia home office abrir negocio

As franquias home office são opções de investimento para quem quer abrir um negócio com pouco investimento e, ao mesmo tempo, fazer parte de uma rede de franquias. Existem modalidades de franquia com valores de investimento de menos de R$ 10 mil.

Independente do valor investido, as franquias home office não exigem instalação da unidade em ponto comercial. Além disso, muitas franquias neste modelo podem ser operados por uma única pessoa e, trabalhando de dentro da própria casa, o franqueado não precisa pagar contas adicionais de aluguel, água, luz, internet, IPTU, entre outros custos.

Dentro deste modelo de franquia, existem também diversos segmentos em que é possível investir. Isso significa que, além de ter mais opções, os empreendedores encontram diferentes opções de mercados para atuar.

Existem os modelos de franquia em que é necessário somente um computador com acesso à internet, no qual a operação do negócio acontece 100% online, de acordo com o treinamento e padronização da franqueadora.

Já em outros modelos, pode ser necessário que o franqueado visite clientes para fechar contratos e realizar alguns atendimentos – neste caso, as franqueadoras costumam dar preferência para os candidatos a franqueados que possuem veículo próprio.

Quer conferir mais opções de franquias para abrir seu negócio com pouco investimento? Confira nossa galeria com 100 opções de franquias baratas!

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui