Não tem como negar que as franquias de alimentação são uma das primeiras a serem lembradas quando um empreendedor pensa em investir no franchising. Com diversas redes famosas no ramo, esse é um dos mercados mais tradicionais neste universo, sendo um nicho com espaço definido – uma boa notícia para quem pensa em abrir um restaurante.

“Neste cenário, as franquias de restaurante são uma ótima escolha, porque esse é um modelo rentável e ainda é um ramo que dá muito para crescer”, comenta Guto Covizzi, diretor da Bella Capri Pizzaria.

➥ Busca franquias de comidas para investir? Confira nosso guia de franquias de alimentação (com valores de investimento)

A título de referência, a maior cadeia de fast food do país possui em torno de 2,2 mil pontos de vendas, enquanto que a maior rede de restaurantes possui menos de 110 operações. “Na próxima década, seguramente já teremos uma consolidação de marcas de restaurantes com quantidades bem superiores ao que temos hoje disponível no mercado”, opina Fábio Marques, sócio-diretor da Detroit Steakhouse.

Mais: segundo dados da Associação Brasileira de Franchising (ABF), o segmento de alimentação é o que mais fatura no mercado brasileiro de franquias. Em 2017, o faturamento do setor chegou a 42,8 bilhões de reais. Para se ter uma ideia, o segundo segmento com maior faturamento foi saúde, beleza e bem estar, com uma soma de 30 bilhões de reais.

Além de apresentar um crescimento constante em faturamento – em 2017, o aumento foi de 6% em relação ao registrado em 2016 -, as franquias de alimentação também crescem em unidades: no ano passado, o número de unidades de franquias do setor cresceu 3,1%.

Quem pensa em entrar nesse segmento vai encontrar um vasto leque de opções. Ainda de acordo com a ABF, 30% das redes de franquias que atuam no Brasil são do setor de alimentação. Há marcas especializadas em diversos tipos de alimentos (alimentação saudável, hambúrguer, comidas típicas, doces, sorvetes, salgados, pizzas, entre outros), com modelos de atendimento diversos (fast food, delivery, a la carte, rodízio etc.).

Também é possível encontrar franquias adequadas para diferentes perfis de investidores, com faixas de investimento que vão desde menos de 5 mil reais até mais de 1 milhão de reais. Os modelos de negócio também variam: lojas e restaurantes tradicionais se juntam a quiosques, containers, food trucks e outros modelos de franquias móveis.

“Normalmente, restaurantes possuem um investimento relativamente mais alto visto que as áreas para comportar o estabelecimento normalmente são maiores que a média do varejo, todavia, o retorno também acaba sendo superior que a média do varejo”, explica Marques.

Como abrir um restaurante

Agora que você já tem dados sobre este mercado promissor, é preciso saber, também, os detalhes que são exigidos na hora de abrir um restaurante.

Segundo o Sebrae, antes de tudo é preciso pensar na escolha do negócio, visto que ao planejar a implantação de um restaurante você deverá ficar atento aos detalhes, pois além da refeição, os clientes também buscam um ambiente para experiências agradáveis proporcionadas pela qualidade e variedade das refeições, atendimento e serviço. “Por isso, encontrar um bom ponto venda, principalmente nas grandes cidades, é um dos desafios deste mercado”, lembra Covizzi.

Com isso em mente, o primeiro passo é escolher o tipo de restaurante que você quer abrir, que pode ser à la carte, self-service, delivery, rodízio e típico. Mas, para isso, fique atento às normas técnicas estabelecidas para que haja ordem nas atividades e na obtenção de resultados padronizados.

Além disso, é importante selecionar bem os fornecedores, a equipe de trabalho e planejar o layout do restaurante e a aquisição de equipamentos necessários ao seu funcionamento. “O proprietário precisa ser presente e saber como executar tarefas padrões e de rotina para, assim, poder delegar e cobrar. Se não fizer isso, o negócio nunca dará certo”, avalia Marques.

Para se tornar um franqueado de uma rede de alimentação, geralmente não é necessário ter experiência prévia no setor. As franqueadoras costumam oferecer treinamentos específicos para o negócio, orientando o franqueado na gestão e na operação da unidade.

Porém, é fundamental estar ciente de que esse é um segmento que exige disponibilidade de dedicação, visto que é um setor que, tradicionalmente, tem alto giro de funcionários, o que faz com que o empresário case com o negócio, tendo que estar à frente.

Embora isso ocorra neste mercado, Marques faz questão de lembrar de um ponto importante no mercado: “restaurantes que possuem qualidade, bom atendimento e preço justo têm potencial de vender em todos os horários, ou seja, almoço durante a semana e final de semana, happpy hour e, ainda, jantar”.

Confira, a seguir, opções de franquias de restaurantes, incluindo redes que atuam nos mais diversos nichos do setor. Os dados de investimento são divulgados pela ABF ou informados pelas empresas.

1Capital Steak House

Rede especializada em carnes premium e especiais, o cardápio inclui ainda opções de entradas, pratos para happy hour, pratos executivos, massas, sanduíches, saladas, sobremesas e bebidas, além de um menu infantil. A Capital Steak House trabalha com modelos de franquias de loja e de quiosque.

Investimento total: R$ 100 mil a R$ 180 mil
Taxa de franquia: R$ 25 mil
Royalties: 5% sobre faturamento bruto
Faturamento médio: não informado
Prazo de retorno: 15 a 24 meses

2DaHora

A DaHora trabalha com a venda de refeições que atendem os públicos das classes A a D, com preços acessíveis e refeições que variam entre café da manhã, almoço, lanche, jantares, happy hour, opções naturais e opções de lanche para o público jovem e estudantes. A marca dispõe de dois modelos de franquia: o express, que deve ser instalado em shopping; e o de loja de salão, próprio para pontos de grande fluxo e movimento.

Investimento total: R$ 350 mil
Taxa de franquia: R$ 39 mil
Royalties: 6%
Faturamento médio: R$ 100 mil
Prazo de retorno: 24 a 36 meses

3Divino Fogão

Com a proposta de oferecer uma comida típica de fazenda, a Divino Fogão tem em seu cardápio pratos próprios da culinária caseira brasileira, como feijoada, carnes, massas, saladas e diversas opções de acompanhamentos. Os restaurantes têm modelo self service.

Investimento total: R$ 720 mil a R$ 740 mil
Taxa de franquia: não informado
Royalties: variável
Faturamento médio: R$ 200 mil
Prazo de retorno: 24 a 36 meses

4Fórmula Pizzaria

A Fórmula Pizzaria é uma rede de pizzarias que oferece mais de 40 opções de sabores de pizzas e calzones. A franqueadora disponibiliza quatro modelos de negócio para as franquias: um deles é focado no atendimento delivery e no balcão; o outro, alia o delivery ao consumo no local. Também há o modelo Express, onde o cliente tem a opção de montar a própria pizza na escolha dos sabores, e o modelo Satélite, formato de franquia responsável pelo abastecimento das operações em insumos provenientes da cozinha central ou fornecedor homologado, consultoria in-loco e treinamento de implantação em novas unidades. A rede trabalha ainda com um sistema de cozinha central, que fornece ingredientes e insumos às unidades para reduzir custos e simplificar a operação.

Investimento total: R$ 145 mil a R$ 380 mil
Taxa de franquia: R$ 40 mil a R$ 160 mil
Royalties: R$ 1 mil (fixo)
Faturamento médio: R$ 70 mil a R$ 90 mil
Prazo de retorno: 24 a 36 meses

5Gendai

A Gendai é uma rede de franquias de restaurante especializada em culinária oriental, especialmente japonesa. O cardápio inclui opções de sushi, sashimi, temaki, ceviche, shimeji, yakisoba, entre outras opções de pratos, acompanhamentos, sobremesas e bebidas.

Investimento total: R$ 530 mil a R$ 610 mil
Taxa de franquia: R$ 50 mil
Royalties: 5% sobre faturamento bruto
Faturamento médio: R$ 160 mil
Prazo de retorno: 36 a 48 meses

6Jin Jin Wok

A Jin Jin Wok é uma rede especializada em culinária asiática, com pratos típicos chineses e japoneses. O cardápio conta com opções de sushi, rolinhos, sunomono, shimeji, temaki, sashimi, niguiri, combinados, frangos, carnes, peixes, yakisoba, pratos executivos e sobremesas.

Investimento total: R$ 455 mil a R$ 525 mil
Taxa de franquia: R$ 45 mil
Royalties: 5% sobre faturamento bruto
Faturamento médio: R$ 130 mil
Prazo de retorno: 24 a 36 meses

7La Mixirica

Como foco em alimentação saudável, a La Mixirica tem em seu cardápio opções de saladas, pratos com peixe, frango e carne, sanduíches, wraps, sucos, shakes, vitaminas e sobremesas. Além do modelo de loja, a rede oferece também franquias de quiosque.

Investimento total: R$ 194,8 mil a R$ 327,8 mil
Taxa de franquia: R$ 44,1 mil a R$ 50,7 mil
Royalties: 6% sobre faturamento bruto
Faturamento médio: R$ 50 mil a R$ 70 mil
Prazo de retorno: 25 a 30 meses

8Los Mex

Com foco em comida típica mexicana, a Los Mex tem em seu cardápio mais de 40 opções de pratos, além de uma carta com mais de 20 opções de drinks – entradas, sobremesas, burritos, tacos, quesadillas, chilli, fajitas, entre outros. Além do modelo de loja, a rede trabalha também com franquias móveis.

Investimento total: R$ 75 mil a R$ 231 mil
Taxa de franquia: R$ 20 mil a R$ 50 mil
Royalties: R$ 1 mil a R$ 2 mil
Faturamento médio: não informado
Prazo de retorno: 10 a 24 meses

9Mr. Bentô

Mr. Bentô é uma franquia especializada em comida japonesa. A rede investe na vasta opção de comidas caseiras servidas quentes, com preparo rápido, estilo fast food, e conta com cardápio diversificado preparado por chefs japoneses. O Mr. Bentô apresenta aos clientes a possibilidade de comerem no restaurante, fazer pedidos via delivery ou através do modelo take and go. Como diferencial, a marca investiu em facilidade operacional, com fábrica própria que produz e ultra congela 80% do que o franqueado utilizará na operação.

Investimento total: R$ 310 mil
Taxa de franquia: R$ 60 mil
Royalties: 5% sobre faturamento bruto
Faturamento médio: R$ 80 mil
Prazo de retorno: 26 meses

10Parmê

O cardápio da Parmê é bastante diversificado. A rede oferece opções de pizzas, massas, pratos com carnes, frango, saladas, guarnições, entradas, sobremesas, tortas, menu infantil e bebidas. A marca conta com unidades no modelo restaurante, lojas express em shopping center, unidades delivery e lanchonetes.

Investimento total: R$ 840 mil
Taxa de franquia: R$ 60 mil
Royalties: 6% sobre faturamento bruto
Faturamento médio: R$ 200 mil
Prazo de retorno: 36 meses

11Peixe na Rede

Criada com o propósito de servir pratos à base de tilápia, a Peixe na Rede tem hoje um extenso menu que incluem, além de receitas com o peixe, opções com camarão, bacalhau e outros. São diversas opções de petiscos, caldos, pratos principais, guarnições, sobremesas, congelados e bebidas.

Investimento total: R$ 450 mil a R$ 620 mil
Taxa de franquia: R$ 80 mil
Royalties: 5% sobre faturamento bruto
Faturamento médio: R$ 190 mil
Prazo de retorno: 24 a 36 meses

12Pizza Frita Golden

Com dois modelos de franquia disponíveis (delivery ou loja + delivery), a Pizza Frita Golden se posiciona no mercado de pizzarias com um produto diferenciado: a pizza frita. Produto carro chefe da marca, a pizza frita é sequinha, crocante e dourada.

Investimento total: R$ 90 mil a R$ 125 mil
Taxa de franquia: R$ 36 mil a R$ 50 mil
Royalties: não cobra
Faturamento médio: R$ 60 mil
Prazo de retorno: 18 meses

13Rizzo Gourmet

O Rizzo é um restaurante especializado em culinária típica italiana, que trabalha com receitas exclusivas. No cardápio, estão opções de pratos como risoto, nhoque, lasanha, grelhados, parmegiana, strogonoff, saladas e massas diversas. São dois modelos de loja disponíveis para franquias: a padrão e a express.

Investimento total: R$ 320,5 mil a R$ 468,5 mil
Taxa de franquia: R$ 50 mil
Royalties: 6% sobre faturamento bruto
Faturamento médio: R$ 100 mil
Prazo de retorno: 24 a 36 meses

14Vivenda do Camarão

A especialidade da Vivenda do Camarão são pratos com peixes e frutos do mar, com destaque para pratos à base de camarão. A rede oferece opções de entradas, petiscos, saladas, massas, risotos, grelhados, moqueca, sobremesas, entre outros pratos.

Investimento total: R$ 480 mil a R$ 627 mil
Taxa de franquia: R$ 47 mil
Royalties: não cobra
Faturamento médio: não informado
Prazo de retorno: 24 a 36 meses

15Vizinhando Gastronomia de Bar

A Vizinhando é uma rede de restaurantes especializada em gastronomia de bar. O cardápio inclui opções de espetos, entradas, pastéis, bolinhos, hambúrguer, sanduíches, petiscos, pratos especiais, sobremesas e bebidas, como chopp, cervejas e drinks.

Investimento total: R$ 350 mil a R$ 710 mil
Taxa de franquia: R$ 40 mil a R$ 60 mil
Royalties: 5% sobre faturamento bruto
Faturamento médio: R$ 170 mil
Prazo de retorno: 24 a 36 meses

COMPARTILHE
Artigo anteriorAnjos Colchões planeja abrir 30 lojas em 2018
Próximo artigoBrasil Canadá projeta 550 escolas em 5 anos
Avatar
Graduada em jornalismo pela Faculdade Cásper Líbero e pós-graduanda em Gestão de Marketing pela Escola Superior de Propaganda e Marketing, sua paixão é escrever e tem curiosidade sobre os mais diversos temas. Já trabalhou em editorias de entretenimento, esportes, saúde, bem-estar, PME e gestão de carreiras.

DEIXE UMA RESPOSTA